Notícias

Seplag e IBGE divulgam PIB dos municípios paraibanos

publicado: 13/12/2019 15h01, última modificação: 13/12/2019 15h01

 Os resultados de 2017 indicam que o ranking dos maiores PIBs entre os municípios paraibanos é formado por João Pessoa, Campina Grande, Cabedelo, Santa Rita e Patos. Esses municípios concentraram aproximadamente 56,4% do total do valor do PIB estadual em 2017. Já os outros 218 municípios agregaram juntos cerca de 43,6%, o que configura no período 2016-2017 um pequeno aumento na participação do conjunto desses municípios na geração do PIB paraibano. Os dados foram divulgados na manhã desta sexta-feira (13) pela Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) em parceria com o IBGE.

 Em 2017, os municípios que apontaram os menores valores do PIB do estado da Paraíba foram: Riacho de Santo Antônio, que apresentou o menor valor (21,694 milhões), seguido por Curral Velho, Coxixola, Areia de Baraúnas e Parari. Uma característica comum na economia desses municípios é que grande parte do valor adicionado é oriundo do setor Serviços, mais especificamente da Administração Pública.

Já as variações mais relevantes no valor nominal do PIB, no período 2016/2017, foram observadas nos municípios de Pilões (45,1%), São José do Sabugi (41,7%), Alhandra (28,3%), Araçagi (18,3%) e São José do Brejo do Cruz (18,1%).

Numa análise das regiões geoadministrativas, constata-se que os municípios sede foram os centros dinâmicos das economias regionais, ou seja, contribuem com a maior parcela no PIB de suas regiões, com exceção da 8ª e 12ª Regiões, cujas sedes são Catolé do Rocha e Itabaiana. Nessas duas regiões, a maior participação no PIB verificou-se nos municípios de São Bento (33,6%) e Pedras de Fogo (22,8%).