João Pessoa
Feed de Notícias

Zizi e Eleonora encerram agenda de shows do Festival de Artes de Areia

sábado, 3 de agosto de 2013 - 15:26 - Fotos:  Roberto Guedes/Secom-PB

As cantoras Eleonora Falcone e Zizi Possi foram as atrações desse sábado (3), na última noite da 14º edição do Festival de Artes de Areia, no Brejo paraibano, que este ano foi incluído também na Rota Cultural Caminhos do Frio. O evento se encerrou na manhã deste domingo com apresentação da Filarmônica Abdon Felinto Milanez, no coreto da Praça Pedro Américo.

Eleonora subiu ao palco às 22h e apresenta repertório em homenagem às mulheres.

Já a cantora paulista Zizi Possi começou o show às 23h com o tema ‘Tudo se Transformou’. No repertório o público ouviu as canções ‘Cacos de Amor’ (Luiza Possi/Dudu Falcão) e ‘Sem Você’ (Arnaldo Antunes/Carlinhos Brown) – canções inéditas na sua voz, ‘Meu Mundo e Nada Mais’, que registrou no início do ano para um cd em homenagem a Guilherme Arantes, e a inédita ‘No Vento’, da compositora gaúcha Necka Ayala. A cantora ainda resgata ‘Com que Roupa’ (Noel Rosa) e ‘Filho de Santa Maria’ (Itamar Assumpção/Paulo Leminski), gravadas nos discos ‘Sobre Todas as Coisas’ (1991) e ‘Mais Simples’ (1996), respectivamente.

Durante sete dias, os moradores e visitantes da bucólica cidade de Areia respiraram cultura e artes nas suas mais diversas variações. Teatro, circo, grafite, literatura, cinema, poesia, fotografia, expressão corporal, além de debates, oficinas e workshops foram à tônica do festival, que reuniu turistas de vários lugares do Brasil e do Mundo.

A parte musical foi outro elemento de sucesso do Festival de Artes de Areia. Entre os destaques estavam: Zélia Duncan; Troça Harmônica; Chico Correia; Orquestra Sinfônica Jovem da Paraíba; Lucy Alves; Sandra Belê; Os Três do Xamego; Sex on the Beach; Dj Kylt; Jackson Envenenado, entre outros.

Gastronomia

Doze equipamentos gastronômicos da cidade de Areia participaram do Festival Regional de Gastronomia da Rota Cultural Caminhos do Frio. Os turistas conferiram um cardápio especialmente preparado com iguarias tipicamente regionais, a exemplo da cachaça; sorvete de cachaça; mel de engenho; banana e rapadura. Pratos encontrados em sorveterias, engenhos, padarias, lanchonetes, restaurantes, docerias, pousadas e hotéis.

Entre as sobremesas tipicamente regionais estavam o Cachaçaí (soverte de açaí com cachaça), Pudim Casa Grande (massa de tapioca, ovos, leite de coco, mel de engenho e cachaça), Palha com Art (leite condensado, rapadura, amendoim, biscoito Maria e cachaça), e Macacada (banana caramelada na rapadura, coco, canela e queijo coalho).

Em sua 14ª edição, o Festival de Artes de Areia pela primeira vez foi incluído na Rota Cultural Caminhos do Frio.

Os visitantes de Areia, cidade conhecida por suas riquezas culturais, participaram das trilhas ecológicas, conheceram engenhos. O roteiro classificado de lazer cultural leva os turistas a percorrerem os roteiros dos engenhos em uma oportunidade única de voltar ao passado e conhecer o processo produtivo da cana-de-açúcar, mel, rapadura e cachaça, bem como a beleza dos canaviais, capelas e sítios históricos.

A Rota Cultural Caminhos do Frio segue para a cidade de Serraria nesta segunda-feira (5). A programação que vai até o domingo (11) com o tema “Natureza, Seresta e Engenhos”, oferece cavalgadas, trilhas ecológicas, visitas aos engenhos, oficinas de desenho, pintura e de gastronomia com degustação, forró pé de serra, e tem como ponto alto o show de Nando Cordel, no dia 9 de agosto, na Praça Antônio Bento, no centro da cidade.

Economia

A realização do Festival de Artes movimenta economicamente a cidade de Areia e municípios vizinhos. Durante uma semana, o setor turístico é aquecido com a presença de turistas e dos próprios participantes do evento, o que gera renda, melhorando a qualidade de vida da população.