Fale Conosco

22 de julho de 2016

Webconferência discute realização de leilão de carros apreendidos para evitar criadouros do Aedes



ses leilao carros evitando mosquito foto ricardo puppe 2 270x183 - Webconferência discute realização de leilão de carros apreendidos para evitar criadouros do AedesA realização de leilão de carros apreendidos como uma medida para evitar criadouros do mosquito Aedes aegypti foi um dos temas da webconferência ocorrida no final da manhã desta sexta-feira (22), entre representantes do Ministério da Saúde e dos Estados de Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Alagoas e Bahia, com o objetivo de alinhar as ações de mobilização e combate ao mosquito que transmite o vírus da dengue, chikungunya e zika.

Da Paraíba participaram representantes da Secretaria de Estado da Saúde (SES), da Vigilância Ambiental e da 1ª Gerência Regional (GRS); da Fundação Nacional de Saúde e da Secretaria de Desenvolvimento Humano.

“Na próxima semana vamos promover uma reunião com o Detran, a Polícia Rodoviária Federal e o Batalhão de Policiamento de Trânsito – BPTran, para pedir um levantamento dos veículos apreendidos disponíveis para leilão no nosso estado, conforme solicitação dos Ministérios da Saúde e da Justiça. Acredito que esta ação seja bastante eficaz com o propósito de diminuir criadouros do mosquito”, disse o gerente operacional de Vigilância Ambiental, Geraldo Moreira de Menezes.

Durante a web foi informado que o 4º ciclo de ações de combate ao mosquito foi encerrado no mês de junho, com 79,37 % de visitação domiciliar, nacionalmente. Embora a meta fosse atingir 100% dos imóveis, a avaliação do resultado é satisfatória. “Estamos no caminho certo”, disse o coordenador da Sala de Situação Nacional, Janivan dos Santos. O quinto ciclo já foi iniciado e será encerrado no mês de agosto.

As webconferências são realizadas quinzenalmente. Dessa vez, outro tema que entrou em pauta foi o problema dos imóveis fechados que dificulta o trabalho das equipes e aumenta o risco de proliferação do mosquito. Na próxima reunião serão debatidas estratégias para envolver os municípios nesta batalha.