João Pessoa
Feed de Notícias

Viviane Senna se emociona com usuários durante visita à Funad

quinta-feira, 28 de janeiro de 2010 - 17:05 - Fotos: 

Os usuários da Fundação Centro Integrado de Apoio ao Portador de Deficiência (Funad) tiveram um dia  muito especial na quarta-feira (27), quando puderam conhecer de perto a presidente do Instituto Ayrton Senna, Viviane Senna, e prestar uma homenagem a irmã do ídolo mundial do automobilismo.

O encontro aconteceu pela manhã, na sede da Fundação, durante uma visita de cortesia de Viviane Senna à presidente da Funad, Rosália Maria Lins Araújo, acompanhada do secretário de Estado da Educação e Cultura (SEEC), Sales Gaudêncio, para conhecer o trabalho de reabilitação, educação e inclusão social que o Governo da Paraíba desenvolve em prol de pessoas com deficiências.

“A Paraíba está de parabéns, principalmente, na área de educação especial. Espero puder acompanhar de perto as ações da Funad e contribuir efetivamente com a inclusão social nas escolas”, disse Viviane, colocando-se à disposição para intervir diretamente nos projetos desenvolvidos pela Fundação, orientando inclusive outros parceiros que podem ser inseridos no processo, a exemplo de uma empresa de telefonia que já tem trabalhos na área de deficiência visual.

Na oportunidade, a visitante foi recepcionada carinhosamente pelos músicos/usuários da ‘Banda São Francisco de Assis’, que executaram com perfeição o ‘Hino do Senna, Tema da Vitória’, e ganhou um souvenir confeccionado pelos alunos/usuários da Oficina Profissionalizante de Marcenaria da Funad: um porta CD em forma de guitarra.

“Não deixo de me emocionar a cada vez que ouço o nosso hino. Mas hoje ele tem um valor muito especial, porque está sendo tocado por pessoas especiais. Está lindo! Muito obrigada”, afirmou Viviane Senna, que também assistiu a apresentação do Grupo de Capoeira da instituição e conheceu o trabalho artesanal desenvolvido pelas mães dos usuários dentro do Projeto Família Funad.

Segundo a presidente Fundação, Rosália Araújo, a visita da presidente do Instituto Ayrton Senna durou pouco mais de duas horas de pura emoção. “Foi lindo. Não poderíamos deixar de ressaltar a emoção que sentimos ao recepcioná-la. Não só por ela ser a irmã do nosso grande ídolo, mas pelo belo trabalho social e humanitário que tem feito”, descreveu Rosália, lembrando ainda que Senna é um exemplo de superação de limites assim como as pessoas com deficiência precisam ser diariamente.

 

Eliane França, da Assessoria de Imprensa da Funad