Fale Conosco

28 de fevereiro de 2012

Vítimas de trânsito durante Carnaval 2012 diminuem até 25%



A fiscalização ostensiva que a Divisão de Policiamento do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) realizou durante o período carnavalesco deste ano contribuiu para a redução de acidentes de trânsito na Paraíba.Em João Pessoa, o número de vítimas de trânsito atendidas no Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena reduziu 25% no feriadão de Carnaval, em comparação com o mesmo período do ano passado. Já no Trauma de Campina Grande, a redução foi de 10%.

Na Capital, as operações de fiscalização foram realizadas durante os principais blocos do projeto Folia de Rua, bem como durante todos os dias de Carnaval. No período de15 a21 de fevereiro de 2012, por exemplo, dentro das fiscalizações do Detran, foram abordados 2.131 carros e 1.281 motos. Deste total, 68 veículos acabaram apreendidos.

O policiamento também realizou 224 testes de alcoolemia (bafômetro), resultando em 28 flagrantes de motoristas conduzindo veículos sob a influência de álcool. Também foram apreendidas 35 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) e emitidas 220 notificações.

Diante do alto número de apreensões e notificações, o número de vítimas de acidentes automotivos registrou queda. No período carnavalesco, o Hospital de Trauma pessoense realizou 650 atendimentos a pacientes oriundos de acidentes de trânsito, contra 900 no ano passado. Já em Campina, o Trauma realizou 100 atendimentos em 2012, sendo 87 deles referentes a vítimas de acidentes com motos e 13 de carro. No ano passado, o total de atendimentos chegou a 113, sendo 99 de moto e 14 de carro.

 

Segundo o superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, as reduções são reflexo da atuação intensiva do policiamento do departamento, que tem trabalhado de forma integrada com outros órgãos, como o Batalhão de Policiamento e Trânsito Urbano e Rodoviário (BPTran) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF). “Os condutores também têm mudado de comportamento, até porque eles sabem que, desde as ações das ‘Blitzen Gigantes’ e ‘Operação Sossego’, o Detran está nas ruas fazendo valer a Lei Seca”, disse.

 

As fiscalizações também ficaram mais rígidas, segundo ele. “Devido ao grande número de acidentes com motociclistas, a determinação do governador Ricardo Coutinho é que 100% das motos sejam fiscalizadas”, frisou.

 

Operação Verão – Outros números que merecem destaque são os da “Operação Verão 2012”, que começou no dia 14 de dezembro de 2011 e terminou antes do Carnaval. Por meio dela, foram  apreendidos 115 veículos – no ano passado, esse número foi de 47, o que representa um aumento de 145%.

 

Com relação às notificações, foram 1.008 este ano, contra 441 em 2011, o que significa um crescimento de 129%. Já a BPTran, somenteem João Pessoa, apreendeu, em 20 dias, 1.374 veículos irregulares, sendo 95% motocicletas.

 

Para Carvalho, o aumento foi possível devido à intensificação de ações em lugares específicos. “Mapeamos os locais que mais registravam acidentes e desenvolvemos as operações estrategicamente neles. Além disso, estamos agindo de forma mais integrada com outros órgãos, o que traz resultados muito melhores”, acrescentou.

 

De acordo com o coronel Paulo Sérgio, comandante geral da BPTran, os veículos apreendidos fazem parte de uma série de blitzen que vem sendo realizada na Capital, como forma de minimizar as mortes de trânsito e outros crimes. “O objetivo do trabalho conjunto das equipes do Detran e do BPTran é manter a paz e a segurança no trânsito”, garantiu.