João Pessoa
Feed de Notícias

Vice-governador participa de encontro com profissionais dos Creas Regionais

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014 - 17:18 - Fotos:  Fernanda Medeiros

O vice-governador Rômulo Gouveia abriu na manhã desta quarta-feira (29), no Hotel Netuanah, o I Seminário de Formação para os profissionais dos Centros de Referência Especializados da Assistência Social (Creas Regionais – PB): fortalecendo os direitos dos usuários e a intersetorialidade. Durante dois dias, o evento capacitará 134 profissionais aprovados no Processo Seletivo Simplificado (PSS) realizado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano (Sedh).

Em três anos e 29 dias avançamos muito e não foi diferente na área da assistência social. Conseguimos ampliar o número de Creas Pólos Regionais com a implantação de mais seis, além de dar melhores condições de trabalho aos profissionais com a aquisição de veículos, equipamentos e aumento salarial da categoria que atua nos Centros”, resumiu o vice-governador ressaltando a iniciativa do Governo do Estado em melhorar os Creas Polos Regionais que atendem a população vítima de todo tipo de direito violado.

A Secretária da Sedh, Aparecida Ramos de Meneses, destacou também a importância da formação para os profissionais que atuam com vítimas de direito violado e ainda a necessidade da intersetorialidade e do trabalho em rede.

Precisamos estar atentos a todo tipo de programas que existem no Estado para poder ajudar as pessoas que buscam os Creas. A Paraíba, por exemplo, é um dos poucos estados que conta com o PPCAAM que protege a criança e adolescente ameaçados de morte. Também avançamos muito na Política da Pessoa Idosa com programas como o Acolher e o Cidade Madura. O mesmo cuidado temos com a pessoa com deficiência que tem programas específicos que podem contribuir para uma atenção melhor a estas pessoas. Enfim, nesses dois dias de formação será repassado pela equipe todos os programas que temos e a importância dos Creas no enfrentamento a todo tipo de violência”, frisou.

Expectativas – Para quem passou no PSS e está atuando nos Creas a formação é uma boa oportunidade para agregar valor. Foi o que disse Maria do Socorro Moura de Magalhães, que foi selecionada para atuar como educadora social no Creas Pólo Regional de Apararecida, no Sertão Paraibano. “Atuar no polo de aparecida no Sertão. “O trabalho social é fundamental e tem crescido, tem uma importância muito grane para a populacao que está a deriva, margem. Essa formação é essencial, porque tem gente que vai trabalhar nos Creas pela primeira vez e precisa saber o trabalho realizado pelo Centro”, disse.

Opinião parecida tem a psicóloga Ana Paula Almeida Araújo do Pólo de Salgado de São Félix. “Com esta formação espero ter mais conhecimento e poder aprimorar o trabalho, para que ele seja realizado da melhor forma possível”, contou.

Na Paraíba, existem 99 Creas em funcionamento, sendo 26 Pólos Regionais e os demais são municipalizados. Os Creas atendem a todo tipo de direito violado por meio de uma equipe formada por psicólogo, assistente social, educador e advogado, além do coordenador.