João Pessoa
Feed de Notícias

UPS da “Bola na Rede” completa um ano e reduz criminalidade

segunda-feira, 12 de novembro de 2012 - 06:16 - Fotos:  Secom-PB

A Unidade de Polícia Solidária da Comunidade Bola na Rede, no Bairro do Novaes (João Pessoa), completa um ano de implantação, neste domingo (11). Nos últimos 12 meses o bairro não registrou nenhum homicídio e a ação policial tirou 32 armas de circulação, além de reduzir em 80% o tráfico de drogas.

A comunidade que antes era dominada pelo tráfico e só recebia a presença da polícia de forma repressora, hoje convive 24 horas com os policiais e já desfruta da sensação de tranqüilidade.

“A gente vivia dentro de casa trancada, tinha até medo quando chegava alguém batendo na porta da gente. Hoje não, fico na calçada conversando até tarde com meus vizinhos e não tenho medo do horário que meu filho chega do trabalho”, comentou a dona de casa Socorro Ferreira – moradora da comunidade há 8 anos.

O policiamento no local é feito com a ajuda de três motos, uma viatura e dois policiais permanentes na base para atender a população – que conta com um número de telefone para entrar diretamente em contato com os policiais de plantão, a chamada “linha solidária”.

Dois meses antes da implantação, uma operação (denominada Gol de Placa) prendeu oito acusados de dominar o tráfico de drogas na região e cobrar pedágio dos moradores, segundo investigações. As prisões pacificaram a comunidade – que recebeu logo em seguida a UPS. Como consequência os moradores tiveram o resgate da sensação de segurança.

Para o comandante da UPS Bola na Rede, tenente João Luiz Sobreira, os resultados alcançados neste primeiro ano de funcionamento podem ser atribuídos “ao trabalho de aproximação com os moradores, ouvindo e identificando os problemas e buscando soluções”.

Ele ressalta ainda a habilidade de mediar conflitos que os policiais da unidade possuem. “Porque a maioria das ocorrências, hoje, é uma briga de vizinho, alguma situação familiar, e temos buscado solucionar com a mediação, propondo acordo entre as partes, quando não há crime. Para isso temos contado com o trabalho qualificado dos policiais que têm o curso de promotor de polícia comunitária”, destacou o tenente Sobreira.

Comemorações – Os moradores realizaram neste sábado (10), em frente à UPS, um culto em ação de graças pelo aniversário da Unidade de Polícia Solidária da Bola na Rede. Um ‘sopão comunitário’ celebrou o primeiro aniversário de convivência entre a polícia e a comunidade, promovendo a confraternização daqueles que diariamente constroem juntos a paz social onde antes existia medo.