Fale Conosco

5 de novembro de 2012

Trauma de Campina Grande ultrapassa 90 mil atendimentos em 2012



05.10.11 auniao_hospital_traumas_cg_foto_claudio goes (2)O Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande fechou o mês de outubro com 8.962 atendimentos no setor de emergência e realizou 718 cirurgias. Só este ano, foram atendidas 90.075 pessoas e realizadas 7.669 cirurgias.

Em Outubro foram registrados 910 atendimentos a vítimas em acidentes de motos. Também houve atendimentos a vítimas de facadas (50), de tiro (48), queimaduras (69), atropelamentos (96), acidentes com bicicleta (12) e acidentes de carro (91), entre outros. O restante dos atendimentos foi ambulatorial e na área de pediatria. O Trauma de Campina Grande atende a uma média diária de 300 pacientes.

O paciente Helton Carlos Farias de Lima, 26, morador do bairro das Malvinas em Campina Grande, fez questão de elogiar o trabalho do setor de ortopedia. Helton sofreu uma queda e fraturou a perna. Ele contou que gostou muito do atendimento. “Fui muito bem atendido por todos os profissionais, inclusive os maqueiros são bem atenciosos. As equipes do Trauma estão tratando as pessoas com muita delicadeza e educação. O hospital está de parabéns em ter profissionais qualificados”, descreveu.

Para atender à população, o hospital dispõe de internação clínica e cirúrgica em seis blocos de enfermaria, com 253 leitos. O hospital conta com 250 médicos, sendo 27 plantonistas 24h em todas as especialidades de urgência. O hospital é o único a possuir na região a Unidade de Queimados com atendimento especializado.

O Governo do Estado investe mensalmente cerca R$ 6 milhões para a manutenção do Trauma de Campina Grande.