Fale Conosco

3 de março de 2015

Trauma de Campina registra mais de 6 mil atendimentos em fevereiro



Mais de seis mil pessoas foram atendidas em fevereiro no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, que integra a rede hospitalar do Governo Estado. Das 6.795 pessoas atendidas em fevereiro, 791 pessoas foram vítimas de acidentes de motos, totalizando no ano 1.725 atendimentos. Em 2014, no mesmo período, foram registrados 1.674 atendimentos a vítimas de acidentes de motos.

A unidade hospitalar registrou, ainda, no mês passado, 44 atendimentos a pessoas vítimas de facadas, 52 de tiro, 58 de queimaduras, 48 de atropelamento, 94 de acidentes de carro, 56 de acidentes de bicicleta e 1.677 por cortes e outros acidentes. Os demais atendimentos foram de casos clínicos. O restante dos atendimentos foi ambulatorial e na área de pediatria.

Para garantir a eficiência no atendimento e a assistência a todos, a unidade de saúde conta com 338 médicos, sendo 60 de plantão 24 horas em todas as especialidades de urgência. O hospital dispõe de internação clínica e cirúrgica em seis blocos de enfermaria, com 302 leitos.

O Trauma de Campina Grande é referência em traumatologia para 203 municípios da Paraíba, além de algumas cidades do Rio Grande do Norte e Pernambuco. A unidade chega a atender 300 pacientes, diariamente. O Governo do Estado investe mensalmente cerca R$ 11,5 milhões para a manutenção do hospital.