Fale Conosco

4 de julho de 2016

Trauma de Campina Grande divulga balanço dos atendimentos a queimados durante as festas juninas



O Hospital de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, em Campina Grande, que integra a rede hospitalar do Governo Estado, realizou 80 atendimentos durante a realização do São João de 2016, na Unidade de Tratamento de Queimados – UTQ.

Desse total, 42 pessoas foram atendidas com ferimentos causados por fogos e fogueiras, sendo 13 crianças na faixa etária de zero a 14 anos.

No ano de 2015, o Trauma de Campina Grande registrou 88 casos de queimadura no período em que são comemoradas as festas juninas. Desse total, 22 atendimentos foram por motivo junino, sendo 18 crianças na faixa etária de zero a 14 anos.

Segundo a cirurgiã plástica Isis Lacerda, tradicionalmente em época junina os acidentes com fogos e fogueiras tornam-se responsáveis pela maioria dos atendimentos na Unidade de Queimados.

A maior quantidade de queimaduras acontece nos dias 12, 23 e 28 de junho, respectivamente, vésperas dos dias de Santo Antônio, São João e São Pedro, quando o nordestino mantém a tradição de acender fogueiras e fogos de artifício.

O Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande é o único na região que possui uma Unidade de Queimados com atendimento ambulatorial e hospitalar. No setor para esse atendimento especializado, a instituição conta com uma equipe de seis cirurgiões plásticos, seis enfermeiros, 13 técnicos de enfermagem, nutricionistas, psicólogos, assistentes sociais e fisioterapeutas. O telefone da unidade hospitalar para mais informações é o 3310-5850 – Ramal 5906.