Fale Conosco

14 de setembro de 2017

Técnicos  da Sudema se reúnem para discutir sobre a bacia hidrográfica do rio Marés



A Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema), discutiu, nessa quarta-feira (13), em seu auditório, o Plano de Gestão da Proteção do Manancial da Bacia Hidrográfica do Rio Marés durante reunião com técnicos representantes de vários órgãos, entidades e três prefeituras. Na ocasião, foram apresentados os problemas diagnosticados e programas recomendados para definir ações e competências,visando o ordenamento das áreas de expansão urbana de forma sustentável e preservação do reservatório do rio Marés.

Dentre os programas recomendados estão os de gestão, uso e manejo do solo rural e urbano, monitoramento dos recursos hídricos, educação sócioambiental, e pesquisas complementares. Todos oriundos da preocupação do Governo do Estado e do Ministério Público Estadual com a crescente ocupação imobiliária na região onde se encontra o reservatório de Marés, que abastece com água uma parte considerável da capital paraibana e região metropolitana.

De acordo com o superintendente da Sudema, João Vicente Machado Sobrinho, que fez a apresentação da proposta da reunião, “a preocupação é grande com o ordenamento, regularização e compatibilização nesse importante curso d’água que abrange três grandes municípios na Paraíba, com sua bacia que alcança 23,53 km². Por isso temos que agir antes que seja tarde, para a garantia da boa qualidade hídrica à população”, explanou.

Além da Sudema, estiveram presentes na reunião representantes das prefeituras de Santa Rita, Bayeux e João Pessoa; órgãos como Emater, Aesa, Funasa, Cagepa, Comitê das Bacias Hidrográficas e Semam.

tecnicos da sudema se reunem para discutir bacia hidrografica do rio mares (1) tecnicos da sudema se reunem para discutir bacia hidrografica do rio mares (2) tecnicos da sudema se reunem para discutir bacia hidrografica do rio mares (3)