João Pessoa
Feed de Notícias

Técnicos da Aesa percorrem 600 km para inspecionar transposição

terça-feira, 4 de setembro de 2012 - 10:34 - Fotos:  Antonio David/Secom-PB

Técnicos da Agência Executiva de Gestão das Águas do Estado (Aesa) embarcaram nesta terça-feira (4) em uma viagem de quatro dias pelo interior da Paraíba e Pernambuco para, junto com uma comitiva de deputados estaduais, inspecionar as obras de transposição do Rio São Francisco. Após a jornada de 600 quilômetros o grupo vai elaborar relatório detalhado sobre o andamento das construções.

De acordo com o diretor de Gestão e Apoio Estratégico, Francisco Lopes da Silva, a iniciativa da inspeção foi da Assembleia Legislativa do Estado, que enviou ofício solicitando apoio da Aesa. “O convite foi aceito prontamente. Vamos mostrar aos deputados os canteiros de obras que estão sendo feitas com recursos federais e também as várias melhorias realizadas com recursos próprios do Governo do Estado”, afirmou.

Uma das obras visitadas será o Canal Acauã-Araçagi. Considerada a porta de entrada das águas do Rio São Francisco no Estado, a obra está orçada em R$ 933 milhões e vai integrar as bacias hidrográficas da vertente litorânea paraibana como uma das formas de aproveitamento das águas vindas do Rio São Francisco. “O sistema adutor está projetado para captar água de Acauã e transportá-la até o Rio Camaratuba, cruzando e integrando as bacias hidrográficas dos rios Gurinhém, Miriri e Mamanguape/Araçagi”, explicou o diretor da Aesa, que faz parte da comitiva.

Segundo o deputado estadual Assis Quintans, a comitiva vai percorrer cinco municípios fazendo o levantamento das obras que estão abandonadas, paralisadas e em andamento. “Essa obra é de extrema importância para nós nordestinos, pois vai matar a sede de muita gente e ainda gerar emprego e renda”, destacou.

O grupo vai visitar várias cidades na divisa entre os estado da Paraíba e Pernambuco. O primeiro encontro será na cidade paraibana de São José de Piranhas, de onde a comitiva segue em direção a Salgueiro e Cabrobó, municípios que ficam localizados em Pernambuco e onde se encontra o primeiro ponto de captação do Eixo Norte da Transposição. Na sequência a inspeção segue para Petrolândia (onde se encontra ponto de captação do Eixo Leste), depois para Sertânia e finaliza a viagem em Monteiro-PB.