Fale Conosco

14 de novembro de 2012

Suplente de vereador envolvido no sequestro da irmã de Hulk se entrega



O suplente de vereador Rodolfo Bruno Barbosa Sousa, conhecido como Rodolfo Sinfrônio, se entregou à polícia na tarde desta quinta-feira (8). Ele era o único acusado de envolvimento no sequestro da estudante de nutrição Angélica Aparecida Vieira, irmã do jogador de futebol paraibano Hulk, que não havia sido preso.

Na manhã de quarta-feira (7) a Polícia Civil da Paraíba apresentou os intergrantes qautro outros envolvidos no sequestro da jovem: Élio Pereira da Silva, José Eliton de Melo Santos, Delmiro Gouveia e o Victor Hugo Henrique da Silva.
De acordo com a polícia, Angélica Aparecida foi sequestrada na tarde de segunda-feira (5), em frente a um restaurante localizado no bairro do Catolé, em Campina Grande.
Um dos mentores do crime foi o empresário Élio Pereira, com quem a vítima trabalhava e estava no momento da abordagem. “Ele entrou em contradição diversas vezes durante o depoimento o que levantou suspeitas e culminou na sua prisão o que desarticulou a ação criminosa”, comentou o delegado Henry Fábio que comandou as investigações.
Com Élio preso, os demais envolvidos decidiram libertar Angélica. Garantida a segurança da vítima, a Polícia Civil prendeu os demais sequestradores.
Os detidos confessaram que estavam passando por dificuldades financeiras e resolveram realizar o sequestro. A intenção do bando era cobrar a importância de R$ 300 mil pelo resgate da estudante.