João Pessoa
Feed de Notícias

Sudema realiza estudos para criação de nova Unidade de Conservação

quarta-feira, 6 de março de 2013 - 12:20 - Fotos: 

A Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema) está promovendo a 2ª Expedição Herpetológica na Serra de Santa Catarina, localizada na região da caatinga paraibana. O trabalho de campo teve início no último sábado (2) e tem o objetivo de adquirir informações como parte dos estudos de criação de uma Unidade de Conservação no local.

Durante esta semana, técnicos da Sudema e pesquisadores das Universidades Federais da Paraíba e de Campina Grande estão coletando espécies de répteis e anfíbios para completar o rol de pesquisa necessário para a implantação do projeto. A Sudema é responsável pelos levantamentos fundiário, turístico, sócio-político e de fauna, além de oferecer apoio logístico aos órgãos responsáveis pelos demais diagnósticos.

De acordo com a superintendente Laura Farias, o órgão tem se esforçado para oferecer o suporte necessário para a implantação de novas áreas de preservação ambiental no Estado. “O trabalho desenvolvido pela equipe técnica da Sudema, em parceria com universidades e outras instituições, tem sido fundamental para identificar o potencial de diversas áreas espalhadas pelo Estado. Ações como esta no Cariri oferecem subsídios para que possamos intervir na conservação do local”, ressaltou.

Serra de Santa Catarina – Situada entre os municípios de São José da Lagoa Tapada, Aguiar e Nazarezinho, a Serra de Santa Catarina é considerada a área mais preservada da caatinga na Paraíba, contando ainda com estruturas primárias do bioma.

Espécies vulneráveis – A região abriga duas espécies de aves consideradas vulneráveis: a Jacucaca, Penelope jacucaca, e o Arapaçu-do-nordeste, Xiphocolaptes falcirostris, sendo o único registro do animal encontrado na Paraíba. A criação de uma Unidade de Conservação nesta área colabora com o cumprimento de uma das metas do Plano de Ação Nacional para Conservação das Aves da Caatinga, gerenciado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), do qual a Sudema é signatária.

Parceria – O projeto de criação de uma Unidade de Conservação no local foi sugerido pela Política Estadual de Mudanças Climáticas, de 2011, e está sendo elaborado pela Sudema em parceria com a UFPB e UFCG. O trabalho é financiado pelo Fundo Brasileiro para a Biodiversidade (Funbio) e os recursos são gerenciados pela Associação Técnico Científica Ernesto Luiz de Oliveira Junior (Atecel).