Fale Conosco

2 de setembro de 2009

SES encerra as atividades do ‘Dia de Combate ao Tabagismo’ com curso



A realização do I Curso Norte/Nordeste de Atualização em Tabagismo encerra, nesta quinta-feira (3) as atividades alusivas ao ‘Dia Nacional de Combate ao Tabagismo’, comemorado no sábado (29). O evento acontecerá a partir das 9h30, na Estação Cabo Branco – Ciência, Cultura e Artes, e está sendo promovido pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), Associação Médica Brasileira – Regional Paraíba, Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa) e Secretaria de Saúde do Município de João Pessoa.

Para este curso, a SES espera a participação de aproximadamente 100 profissionais da área do tabagismo da rede SUS e particular. Os interessados em participar do evento podem fazer a inscrição no local.  Durante todo o dia representantes do Instituto Nacional do Câncer, (Inca), da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), das sociedades de Pneumologia dos Estados do Amazonas, Ceará, Rio de Janeiro, Distrito Federal e Bahia, irão discutir temas ligados ao tabagismo e às doenças cardiovasculares, tratamento medicamentoso contra o fumo, e ambientes 100% livres do cigarro.

As atividades ligadas ao ‘Dia Nacional de Combate ao Tabagismo’ tiveram início no último dia 21 de agosto, quando a SES realizou uma capacitação para cerca de 100 profissionais que atuam nos centros de Atendimento ao Fumante. No sábado (29), houve uma mobilização de garçons e atendentes em bares, restaurantes, boates e em dois shoppings da Capital, que  vestiram camisas padronizadas divulgando a importância de ambientes livres de tabaco. Na terça-feira (2), houve exibição de vídeo e debate em uma faculdade privada da Capital.

Segundo a gerente operacional do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis da SES, Lourdes de Fátima Sousa, a realização de campanhas e outras atividades educativas, preventivas e de conscientização são necessárias e devem ser feitas constantemente. “O tabagismo dever ser encarado com uma pandemia, pois é responsável por cerca de 5 milhões de mortes por ano em todo o mundo”, alertou.

Na Paraíba são 700 mil fumantes e no ano passado 218 pessoas morreram com câncer de pulmão e brônquios, 40 com câncer de boca, 55 com câncer de faringe, 52 de laringe, 221 com tumores de estômago, 280 de próstata, 165 de mama, 81 com tumores de colo de útero, 739 por hipertensão e 1.358 por acidente vascular cerebral.

Da Assessoria de Imprensa da SES-PB