Fale Conosco

7 de novembro de 2012

Servidora do Detran conquista Prêmio Denatran de Educação no Trânsito



07.11.12 paraibanos_vencem_premio_detran (1)A pedagoga Edjane Luna da Silva, lotada na Divisão de Educação do Departamento Estadual de Trânsito (Detran), está entre os três paraibanos que conquistaram o Prêmio Denatran de Educação no Trânsito 2012.  Ela conquistou o primeiro lugar nacional na categoria Cidadania (músicas, poesias, textos, vídeos, jingles e paródias). O trabalho vencedor é uma paródia adaptada à letra da música “É”, composta por Gonzaguinha.

A paródia abordou o tema “Bons exemplos no trânsito” e foi gravada pelo grupo paraibano Nossa Voz, que tem como uma das integrantes a psicóloga Thaíse Gadelha, servidora da Secretaria Estadual de Saúde lotada no Detran.

Além de Edjane Luna, os outros dois paraibanos premiados foram Ednaldo Araújo Silva, estudante da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Professor Lordão, da cidade de Picuí, que conquistou o 2º lugar nacional na categoria Educação de Jovens e Adultos e Gilmara Pereira Branquinho, servidora da Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa (Semob), que conquistou o terceiro lugar nacional na categoria Cidadania.

Promovido pelo Ministério das Cidades, por meio do Departamento Nacional de Trânsito, o Prêmio Denatran de Educação no Trânsito é realizado anualmente e tem como principal objetivo incentivar a produção de trabalhos voltados ao tema trânsito.

Em 2012, o Prêmio Denatran chegou a 12ª edição. Este ano o prêmio foi dividido em 13 categorias. Concorreram alunos regularmente matriculados em instituições de ensino de nível básico (públicas ou privadas); educadores que atuam na educação básica; órgãos e entidades do Sistema Nacional de Trânsito (SNT); organizações, instituições ou empresas (com ou sem fins lucrativos) e pessoas físicas.

Esta não é a primeira vez em que a pedagoga Edjane Luna conquista o Prêmio Denatran. Em 2009, ela ficou em segundo lugar na categoria Cidadania, também com uma paródia que trabalhou o tema “No trânsito, respeitar é preciso!”, uma adaptação da música “A vida tem sempre razão”, composta por Toquinho e Vinícius de Morais.

O Prêmio Denatran também foi conquistado, em 2006, pelo estudante Diogo Trajano da Silva Luna, então aluno do 2º ano do Colégio GEO Sul. Ele ficou no terceiro lugar nacional, na categoria ensino médio, com uma paródia adaptada à letra da canção “Prá não dizer que não falei das flores”, de Geraldo Vandré.

Em 2008, o estudante Gabriel Figueiredo Schueler, então aluno do 5º ano do Colégio Marista Pio X, conquistou o primeiro lugar nacional na categoria ensino fundamental, com uma carta com pedido de paz no trânsito.

Já em 2010, Hugo César Trajano, aluno da Academia do Comércio, conquistou o 1º lugar nacional, na categoria ensino médio, com uma história em quadrinhos sobre do tema “No trânsito, gentileza gera gentileza!”.

O superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, destacou o talento dos paraibanos. “É muito gratificante ver três paraibanos entre os vencedores de um dos prêmios mais importantes da área de educação para o trânsito e, mais ainda, saber que, entre os vencedores, está uma servidora do Detran que tem uma vida inteira dedicada à missão de salvar vidas no trânsito”.

Ele lembrou que campanhas como a Operação Lei Seca, lançada no dia 21 de setembro, integrando as ações de policiamento do Detran e do Batalhão de Policiamento de Trânsito, são primordiais na construção de um trânsito melhor e mais humano.

A chefe da Divisão de Educação para o Trânsito do Detran, Abimadabe Vieira, explicou que a equipe realiza um trabalho permanente em escolas, empresas e instituições, além de executar campanhas educativas em épocas específicas como Folia de Rua, carnaval e eventos que movimentam as principais cidades do estado como São João, Festa do Bode Rei e festas de emancipação política.

Para Abimadabe, “o prêmio recebido por Edjane Luna e pelos outros dois paraibanos, chega para coroar o trabalho de toda a equipe que sempre divulgou o Prêmio Denatran e incentivou a participação dos estudantes, empresas e profissionais paraibanos”. Os vencedores da XII edição receberão o Prêmio Denatran durante uma solenidade que será realizada no dia 5 de dezembro, no Hotel Nacional, em Brasília.