João Pessoa
Feed de Notícias

Seminário discute Direitos Humanos e Cidadania na Escola

quinta-feira, 26 de setembro de 2013 - 17:11 - Fotos: 

Alunos, professores e a comunidade em geral participam das 8h às 17h desta quinta-feira (26), no auditório da Faculdade Maurício de Nassau, do I Seminário de Direitos Humanos e Cidadania na Escola, promovido pela Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Profissionalizante Professora Maria do Carmo de Miranda, de João Pessoa. Estiveram presentes na abertura o vice-governador da Paraíba, Rômulo Gouveia, a gerente da 1ª Regional de Educação Wleika Aragão, o diretor da Faculdade Maurício de Nassau, Rogério Xavier, além de representantes da Polícia Rodoviária Federal (PRF), do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PB) e da Empresa de Correios e Telégrafos.

Na ocasião, dois alunos fizeram apresentações. Rodrigo Soares mostrou sua performance no saxofone e Pollyana Rodrigues fez uma apresentação de dança. Além disso, foi lançado um selo personalizado em homenagem à Lei Seca.

Para Rômulo Gouveia, o seminário é uma ferramenta pedagógica importante para trabalhar a questão do trânsito. “Isso mostra a preocupação com o trabalho preventivo. É importante intensificar os trabalhos dos órgãos de trânsito e aumentar investimentos em trabalho, pessoal e campanhas para salvar vidas”, afirmou. Já a diretora da Escola Maria do Carmo, Maria Airan Cézar, salientou que o valor maior do evento é mostrar que a escola tem feito trabalho educativo em todos os níveis em relação aos Direitos Humanos.

O I Seminário de Direitos Humanos e Cidadania na Escola objetiva propiciar um amplo espaço de discussão sobre direitos humanos e cidadania, que explicite formas de injustiça social, bem como criar alternativas a serem efetivadas pelo Estado no seu enfrentamento, a partir do controle social”, explicou a diretora.

E completou: “Seja na questão da violência contra a mulher, da homofobia, da violência no trânsito, do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e das medidas socioeducativas, este é um evento de grande importância e que envolve várias escolas, tanto do município quanto do Estado. Estou muito feliz com a participação de todos e acredito que nós estamos buscando a melhoria na qualidade da educação aqui na Paraíba”.

Expectativa – A estudante Andréa Souza de Lima, do 1º ano do Magistério da Escola Maria do Carmo, afirmou que o seminário é importante para ampliar os conhecimentos em Direitos Humanos. “A gente está vendo que o trânsito está evoluindo muito, então, cada dia mais está pior. Pessoas bebem e não prestam atenção às pessoas ao redor. Então, é importante saber o que pode acontecer, as leis, e como seremos futuras professoras, poderemos explicar aos nossos futuros alunos. Estamos torcendo para aprender mais sobre os Direitos Humanos”, disse.

A estudante Cristiane de Morais, também do 1º ano do Magistério da unidade escolar, lembrou que falta respeito no dia a dia entre as pessoas. “Hoje as pessoas não respeitam as leis de trânsito, passam por cima de tudo, acham que bebida e direção combinam e a gente sabe que não. Vemos acontecendo no nosso dia a dia acidentes envolvendo motocicletas e pessoas morrendo por causa de outras que infringem as leis e não se importam com as consequências. Com o seminário, a gente vai ter um conhecimento maior. Só temos a aprender mais e, como futuros educadores, repassaremos aos nossos alunos. Minha expectativa é boa e espero aprender tudo o que puder”, afirmou.

Programação – Após a solenidade de abertura foram realizadas as mesas redondas: “Direitos Humanos e a Diversidade Sexual”; “Direitos Humanos e a Violência contra a Mulher”; “Direitos Humanos, a Violência no Trânsito e a mudança de comportamento após a implementação da Operação Lei Seca” e “Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) e a Violência no cenário contemporâneo – Os desafios do atendimento sócio educativo nas escolas”. O evento tem o apoio da Secretaria de Estado da Educação (SEE), do Departamento Estadual de Trânsito do Estado da Paraíba (Detran-PB) e Faculdade Maurício de Nassau.