Fale Conosco

30 de junho de 2015

Semdh discute realização de conferências de políticas para mulheres



A secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Gilberta Soares, abriu nesta terça-feira (30) a reunião de gestoras do Fórum Estadual de Organismos de Políticas Públicas para Mulheres, que discutiu a realização das conferências municipais e intermunicipais que antecedem a 4ª Conferência Estadual de Políticas para Mulheres e ocorrerá em João Pessoa, de 26 a 28 de novembro.

Segundo a secretária Gilberta Soares, pela primeira vez na história das conferências de mulheres, será incentivada a participação de mulheres trans (pessoa que possui uma identidade de gênero feminina, diferente do sexo masculino designado no nascimento).

“Uma das metas é incentivar a participação e inclusão da questão étnico-racial, geracional e também de identidade de gênero das mulheres trans. Isto significa mais participação de mulheres negras, quilombolas, de várias gerações, e das mulheres trans, como delegadas. Vamos trabalhar com a questão da diversidade dentro das políticas”, disse a secretária.

 Representantes de 43 municípios discutiram, no auditório da PBPrev, no Bairro dos Estados, em João Pessoa, a realização das conferências municipais, que devem ser convocadas até 30 de julho. Com o tema “Mais Direitos, participação e poder para mulheres”, as etapas municipais têm por objetivo avaliar as políticas locais das cidades. A Conferência Estadual será realizada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Mulher e da Diversidade Humana (Semdh).

De acordo com decreto estadual, publicado no dia 15 de junho, a conferência terá quatro eixos temáticos: contribuição dos conselhos de direitos da mulher e dos movimentos feministas e de mulheres para a efetivação da igualdade dos direitos e oportunidades; estruturas institucionais e políticas públicas desenvolvidas para as mulheres, sistema político com participação das mulheres, sistema nacional de políticas para mulheres.