João Pessoa
Feed de Notícias

Semana da Alimentação discute a ampliação de programa do Governo

quarta-feira, 14 de outubro de 2009 - 14:45 - Fotos: 
A produção de alimentos com marcado garantido, maior redução das perdas e crédito facilitado para que os produtos agrícolas cheguem à mesa das famílias são temas em debate na 2ª Semana Paraibana da Alimentação, iniciada nesta quarta-feira (14) e que prossegue até a sexta-feira (16) na sede da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa), no bairro do Cristo Redentor, em João Pessoa, numa promoção que conta com a participação da Emater-PB, Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e o Conselho Nacional de Segurança Alimentar (Consea).

O presidente da Empasa, Germano Targino, garante que a empresa está buscando o fortalecimento da cadeia produtiva e espera idéias novas que contribuam com o crescimento do programa alimentar que o Governo do Estado se propõe implementar a partir de agora. Destacou que é preciso trabalhar para se evitar o desperdício de produtos alimentares procedentes do campo. “A Empasa tem um papel importante neste processo, porque sua finalidade não é apenas comercializar, mas orientar o agricultor a produzir alimentos de boa qualidade”, comentou.

Lembrou que os parceiros deste programa têm um papel importante para que se possa avançar ainda mais com suas ações, e a empresa está empreendendo outras ações como a piscicultura, que inclusive vai contribuir para criar oportunidades e assim os agricultores possam ter uma renda extra.

Assistência ao produtor
– Já o diretor Técnico da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB), Afonso Cartaxo, presente à abertura do evento, destacou que o órgão tem sido “um forte aliado para levar ao homem do campo as políticas públicas que ajudam no fortalecimento de suas atividades agrícolas. Sem dúvida que podemos oferecer uma grande contribuição ao programa alimentar, levando a assistência técnica indispensável para a conscientização do produtor, de modo que possa produzir cada vez melhor e de maneira organizada”, comentou.

Parcerias – O coordenador estadual da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Ângelo Viana, destacou as parcerias realizadas com o Governo do Estado através da Emater e Empasa, que contribuem para melhorar a produção alimentar. Lembrou que houve um crescimento de 200% na aquisição de alimentos junto ao produtor rural entre 2007 a 2008 na Paraíba e, agora em 2009, esse percentual já foi ultrapassado.

Disse que a Emater supre a ausência da Conab nas comunidades rurais, organizando os agricultores familiares para produzir e comercializar sua produção. Também informou que utiliza a cotação de preços da Empasa para comprar os produtos agrícolas.

Propostas – O coordenador do Programa Alimentar na Paraíba, Marçal Cavalcanti, disse que um ano depois todos voltam a discutir as questões levantadas em 2008, “para avançar com propostas que possam oferecer mais e melhores condições de atender a demanda de alimentação”. Garantiu que a meta é perseguir na oferta de três refeições diárias as famílias carentes.

Durante os três dias de debates, serão discutidas as contribuições para a construção de planos e políticas de abastecimento e segurança alimentar e nutricional na Paraíba; as experiências do Banco de Alimentos do Sesc e Senac; avaliação de experiências dos programas e pesquisas bem sucedidas na produção, geração de segurança alimentar e nutricional. A agricultura orgânica, o controle social da produção e distribuição de alimentos também constam na programação do evento.

José Nunes, da Secom-PB