João Pessoa
Feed de Notícias

Sejel pode fechar parceria e ajudar o Campinense a permanecer na Série B

quinta-feira, 8 de outubro de 2009 - 14:12 - Fotos: 

Preocupado com o atraso nos salários e a ameaça de rebaixamento na Série B do Campeonato Brasileiro, o presidente do Campinense Clube, Saulo Miná, foi recebido em audiência nesta quarta-feira (7) pelo secretário de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel) da Paraíba, coronel Francisco de Assis. Na oportunidade, o dirigente rubro-negro manifestou interesse em fechar uma parceria com o Governo do Estado, com o objetivo de minimizar os problemas financeiros do clube.Para Saulo Miná, a permanência do Campinense na Série B do Brasileiro de 2010 é a prioridade da diretoria neste restante de temporada.

“Não foi fácil conquistar este espaço e precisamos trabalhar com todos os segmentos para a Paraíba continuar com essa vaga. Estamos enfrentando uma série de problemas financeiros e isso tem influenciado no rendimento do grupo”, confirmou.Mesmo com a ameaça de rebaixamento, Saulo Miná aposta nas chances reais do Campinense nos jogos restantes da Série B e destaca o apoio que tem recebido da torcida na competição. “Apesar dos resultados adversos, a nossa torcida tem mostrado ser muito fiel. Por isso mesmo estamos concentrando esforços para saldar os compromissos pendentes com o elenco e ao mesmo tempo manter o time na Segunda Divisão”, revelou.

O secretário de Esportes da Paraíba, coronel Francisco de Assis, considerou importantes as reivindicações feitas por Saulo Miná e prometeu trabalhar para apoiar o clube nesse momento de dificuldades. “Temos que pensar grande e é o futebol da Paraíba que está na Série B, mas com essa ameaça de rebaixamento. Vamos encontrar um meio de colaborar com o Campinense para não perder essa vaga”, completou.

 

Da Assessoria de Imprensa da Sejel