João Pessoa
Feed de Notícias

SEDH realiza reunião ampliada com Conselhos e Gestores Municipais

segunda-feira, 25 de setembro de 2017 - 12:39 - Fotos:  Secom-PB

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (SEDH) por meio da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), do Conselho Estadual de Assistência Social (CEAS/PB), Conselho Estadual dos Gestores Municipais de Assistência Social do Estado (COEGEMAS), em parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social de Campina Grande realizaram, na sexta-feira, (22), em Campina Grande, reunião ampliada e descentralizada com a participação de secretários, técnicos e conselheiros municipais de assistência social. Usuários do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) de Campina Grande participaram do evento e realizaram apresentações da fanfarra e de teatro.

Segundo a gerente Executiva de Assistência Social da SEDH, Patrícia Larrissa de Oliveira, “o evento reuniu cerca de 200 participantes da terceira, quarta e quinta Regiões Geoadministrativas do Estado”. Ela apresentou relatório elaborado pela Vigilância Socioassistencial da SEDH, contendo avaliação quanto ao cumprimento das metas estabelecidas no Pacto de Aprimoramento de Gestão Municipal, pelos municípios no âmbito nacional, de Nordeste e do estado.

Na ocasião os gestores tiveram oportunidade de fazer suas explanações e tirar dúvidas.

A presidente do CEAS/PB, Katiúsca Duarte falou das dificuldades enfrentadas na conjuntura atual. “Enfrentamos um momento de muitas mudanças, com a redução orçamentária, – pelo Governo Federal – de verbas destinadas aos serviços socioassistenciais. Precisamos fazer desse, um momento de resistência, de luta e de defesa da Política de Assistência Social”, conclamou. Ela pontuou ainda sobre a importância dos municípios encaminhem seus trabalhadores e seus usuários a Conferência Estadual de Assistência Social que ocorrerá entre os dias 17 e 19 de outubro.

Já a presidente do COEGEMAS, Sofia Ulisses confirmou a necessidade da luta em defesa do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e diante do um contexto de cortes de orçamento, enfatizou a necessidade de uma mobilização dos municípios paraibanos no sentido de articular ações também de enfrentamento e de defesa dos direitos socioassistenciais que estão ameaçados, tendo em vista que tal corte acaba inviabilizando a política de Assistência Social e a sua exequibilidade. Neste sentido, para a presidente do COEGEMAS, tanto os trabalhadores do SUAS, quanto a bancada do Estado no Congresso Nacional precisam se articular para se mobilizar na defesa desta política. Ponderando sobre a possibilidade de proposição de emendas tendo em vista a ampliação do orçamento da Assistência Social, que teve um corte severo na proposta da Lei Orçamentária de 2018.

Ao término ficou definido que a próxima reunião ampliada e descentralizada deverá acontecer na cidade de Itaporanga, no próximo dia 11.