Fale Conosco

24 de setembro de 2012

Sede da Sudema passa por reformas para atender melhor a população



A sede da Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema), localizada no bairro de Tambiá, na capital, foi totalmente recuperada. As melhorias, que começaram em janeiro deste ano, incluiram retelhamento, troca de madeiramento, revisão nas instalações elétricas e hidráulicas, além das pinturas interna e externa. O objetivo foi de garantir melhor prestação de serviços à população e acomodar melhor os técnicos, coordenadores e diretores do órgão.

O local onde funciona a sede do órgão fica numa área de quase 2 mil m² distribuída em quatro edificações, que estava há mais de 10 anos sem qualquer investimento na melhoria da infraestrutura.  Inicialmente, foi recuperada a casa mais antiga, depois a área dos técnicos e, por fim os prédios administrativos.

O laboratório da Coordenadoria de Medições Ambientais (CMA) foi totalmente reformulado e conta agora com uma recepção, sala da coordenação, sala de balança, além dos laboratórios de metais, de físico-química e de microbiologia. A CMA também recebeu equipamentos de segurança, como: chuveiros lava-olhos, exaustores de gás, extintores de incêndio e sistema de condicionamento de ar.

Na pintura externa das edificações foram seguidos os parâmetros estabelecidos pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado da Paraíba (Iphaep), já que trata-se de uma área tombada como bem imóvel. A casa antiga recebeu uma tonalidade azul, se sobressaindo aos prédios construídos posteriormente, que receberam uma pintura em tom pastel.

O jardim da sede da Sudema também foi refeito. Todas as mudas foram retiradas e levadas para o Jardim Botânico de João Pessoa, onde foram multiplicadas. Já o trabalho paisagístico foi todo coordenado por profissionais do Jardim Botânico. Dentro das obras de recuperação da Sudema também foram contemplados o auditório do órgão e a área do arquivo que foi ampliada.

Melhorias – Segundo a superintendente da Sudema, Laura Farias, essas mudanças tiveram como objetivo melhorar o ambiente de trabalho dos colaboradores do órgão e também o acesso dos visitantes às dependências da sede. “Com recursos próprios da Sudema, conseguimos melhorar as dependências da sede, o acesso a ela e o trabalho de todos ali, que agora têm um ambiente mais adequado para desenvolver suas atribuições”, disse a superintendente, destacando que durante os meses das obras de recuperação, foi feito um planejamento dos serviços, para que não houvesse interrupção nos trabalhos desempenhados.