Fale Conosco

21 de setembro de 2011

Sedap e Emater levam discussão sobre meio ambiente a estudantes de Malta



Alunos do 5º ano do ensino fundamental da Escola Municipal Cônego Joaquim de Assis Ferreira, da cidade de Malta, no sertão da Paraíba, participaram do curso “A natureza pede socorro”. Promovido pela Secretaria do Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca, através do escritório local da Emater, o curso integra uma ação educativa que tem mobilizado comunidades rurais.

O objetivo é a conscientização para a produção de alimentos sem uso de agrotóxicos e o reconhecimento por essas comunidades da realidade do campo como bens de vida e de produção.

O trabalho que tem sido realizado em parceria com escolas está conseguindo resultados animadores, pois a atividade de assistência técnica é antes de tudo, educativa. Na escola de Malta, o curso foi assistido por 134 estudantes, filhos de agricultores familiares.

Em cursos e palestras levados a comunidades o propósito tem sido o de estimular ações que levem a uma reflexão sobre a importância da conservação ambiental. Estudantes e população em geral recebem informações sobre os problemas causados pelo lixo e orientações para o uso racional da água.

Foram realizadas três oficinas que enfocaram os temas “O lixo como uma alternativa sustentável”, “O desmatamento na região e produção de mudas” e “Água como fonte de vida”, e foram ministradas pelos extensionistas Pedro Ferreira Leite e Maria do Carmo Medeiros G. Santos, com a participação da professora Kyomara Larisse Nóbrega de Araujo.

Durante as palestras, os estudantes aprenderam como produzir mudas frutíferas e prepararam defensivos naturais utilizando as folhas do Nin, detergente neutro e farinha de trigo.