João Pessoa
Feed de Notícias

Secretário visita antigo Cine São José e anuncia parceria com PMCG para recuperar prédio

quarta-feira, 23 de setembro de 2009 - 10:06 - Fotos: 

Depois de visitar cinco escolas públicas em Campina Grande e constatar a situação de abandono em que elas se encontram, o secretário de Estado da Educação e Cultura, Francisco de Sales Gaudêncio, visitou no final da tarde desta terça-feira o prédio do antigo cine São José, no bairro do mesmo nome, e ficou surpreso com o que viu.
  
O local está completamente abandonado, entregue a própria sorte e servindo apenas de mural público, onde são colocados cartazes e anúncios de casas de shows e eventos comerciais. No interior do prédio não existe mais nada, a não ser lixo, fezes humanas e lembranças do que já foi palco de grandes espetáculos da Sétima Arte. Fechado há anos, o prédio é tombado pelo Estado.
  
Em companhia da gerente da 3ª Regional de Educação, Socorro Ramalho, e do vereador Fernando Carvalho, o secretário Sales Gaudêncio concedeu entrevista na porta do ex-cine São José e anunciou uma parceria com a Prefeitura Municipal de Campina Grande para que o local seja imediatamente recuperado em sua forma física, para em seguida ser encontrado um destino de uso cultural para o mesmo, de forma a resgatar a importância de sua história para o município.
  
VISITAS – No período da tarde o secretário Sales Gaudêncio esteve em companhia da gerente da 3ª Regional de Ensino Socorro Ramalho e do superintendente da Suplan, Gilvan Frade, visitando mais escolas públicas estaduais. Ele foi até as escolas Vicentina Vital do Rego, no Jeremias; Severino Cabral (no conjunto Severino Cabral); Dom Luiz Gonzaga Fernandes (nas Malvinas) e no CAIC (nas Malvinas).

Em todas elas foi constatada a situação de abandono e descaso em que se encontram, com muros caídos, falta de carteiras, quadros quebrados, tetos danificados, paredes com infiltrações, e partes elétrica e hidráulica comprometidas. Em todos os casos o secretário anunciou medidas urgentes de recuperação dos prédios. As obras devem começar o mais rápido possível (tão logo seja feita a licitação) e a idéia do governador José Maranhão é que todas as escolas estejam prontas para receber os alunos de forma adequada no início do semestre letivo do próximo ano.

Apolinário Pimentel, da Secom Campina Grande, com fotos de Hiran Barbosa