Fale Conosco

1 de março de 2012

Secretário Ricardo Borbosa fala sobre os recursos para o PAC Mobilidade



O secretário executivo do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na Paraíba, Ricardo Barbosa, confirmou que o Governo Federal aprovou a liberação de R$ 335 milhões de recursos do PAC Mobilidade para a Paraíba. A maior parte desses recursos será destinada a João Pessoa. O anúncio oficial será feito nos próximos dias pela presidente Dilma Rousseff.

“O projeto está aprovado na íntegra. A Paraíba é um dos poucos estados que está habilitado a contratar parte dos R$ 18 bilhões destinados ao PAC Mobilidade. Essa semana será o anuncio da destinação dos recursos aos 24 municípios contemplados”, disse Ricardo Barbosa.

Em João Pessoa, o projeto prevê a construção de três viadutos em pontos necessários da cidade. Também prevê a reestruturação de malha viária, assim como obras que propiciem a utilização dos Veículos Leves Sobre Trilhos (VLT) e do BRT nas principais vias da cidade.

De acordo com Barbosa, a previsão inicial era de que a Paraíba só poderia contratar R$ 280 milhões para conseguir suportar a contrapartida. Mas acabou que o valor a ser contratado será de R$ 335 milhões, o que, nas atuais circunstâncias, não significará um problema para o equilíbrio do Estado.

A execução das obras será dividida entre o Estado e o Município. “O VLT será pelo Estado, enquanto o BRT pela prefeitura. Dos três viadutos, dois serão do estado e um da Prefeitura”, disse.

CORTES – Com o recente anúncio de corte de R$ 60 bilhões no Orçamento da União, o secretário Ricardo Barbosa garantiu que nenhum projeto em andamento será afetado pela medida, mas que o Governo Estadual terá que replanejar algumas ações.

“O corte não afeta as obras do PAC. Ele se insere, se contextualiza em outras ações. Mas nós tínhamos esperanças muito grandes para que tivéssemos recursos para a reforma da Vila Olímpica e o corte deve afetar essas áreas. Temos que batalhar para trazer esses recursos novamente”, lamentou Ricardo Barbosa.

DILMA – Em janeiro, Ricardo Barbosa havia dito que a presidente Dilma havia agendado visita à Paraíba para vistoriar as obras de transposição do Rio São Francisco. Ela, no entanto, foi a Pernambuco, mas não passou pelo Estado, o que acabou frustrando expectativas. No entanto, o secretário revelou que uma nova data está programada e que ela deve ocorrer na cerimônia de assinatura da ordem de serviço das obras do Canal das Vertentes – março ou abril.

“Não demorará mais de 45 dias para ela vir aqui. Já há um pré-agendamento, teremos encontros em Brasília para tratar disso. Ainda agora, o ministro Fernando Bezerra disse em publico que o governador tinha convidado a presidente para vir dar a ordem de serviços do Canal das Vertentes. É muito provável que ela possa vir, pois trata-se da maior obra de recursos hídricos do Governo Federal depois da transposição”, disse Ricardo Barbosa.

Jornal A União