João Pessoa
Feed de Notícias

Secretário orienta que liberação seja feita de forma pessoal e intransferível

quinta-feira, 12 de novembro de 2009 - 14:18 - Fotos: 
O secretário da Administração do Estado, Antônio Fernandes Neto, esclareceu nesta quinta-feira (12), que não há determinação da Administração Estadual para o bloqueio ou suspensão do contracheque do mês de outubro do pessoal da Polícia Civil e dos demais servidores das repartições públicas da Administração Direta e Indireta do Poder Executivo da Paraíba.

Segundo o secretário, os contracheques já estão disponíveis no setor de Recursos Humanos de cada secretaria para ser entregue a cada servidor, de forma pessoal e intransferível, mediante a assinatura do mesmo, cumprindo o critério da pessoalidade das relações laborais.

De acordo com Antônio Fernandes, o que há, na realidade, é uma determinação expressa da Secretaria da Administração para que em todas as secretarias o contracheque só seja entregue ao respectivo funcionário, por questões legais e como forma de oferecer maior segurança, para não haver nenhum tipo de violação no contracheque e vazamento de informações referentes à remuneração de cada um.

“Não está havendo nenhum tipo de perseguição com o pessoal da área de Segurança. O que é preciso é o próprio servidor comparecer a repartição para receber seu contracheque. Não será permitida a entrega a intermediário, até mesmo por questões de segurança, porque o contracheque é um documento pessoal de cada funcionário”, declarou o secretário.

Adriana Rodrigues, da Secretaria de Administração