João Pessoa
Feed de Notícias

Secretaria faz campanha sobre 20 anos do Estatuto da Criança

quinta-feira, 18 de março de 2010 - 16:54 - Fotos: 

Em comemoração aos 20 anos do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), o site Criança.pb, da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (SEDH), lançou nesta quinta-feira (18) uma campanha educativa em cinco escolas estaduais de João Pessoa. O objetivo é fazer com que os alunos conheçam os direitos que lhes são assegurados por lei e transportem esse conhecimento obtido através da produção de textos que farão parte de um jornal.

A primeira oficina começou às 13h, com alunos do 8° e 9° anos da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Nicodemos Neves, localizada no Bairro Funcionários I. O site Criança.pb é uma ação do projeto ‘A Comunicação como Ferramenta dos Direitos da Criança e do Adolescente’, realizado pelo Governo do Estado e SEDH com apoio do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, a ONG Amazona e patrocínio da Petrobras.

Sensibilização – Nesse primeiro contato, um kit com materiais pedagógico, cópias do estatuto, o estatuto em quadrinhos, textos, DVDs e CDs foi distribuído entre os adolescentes para informar e esclarecer sobre os direitos desse público. A atividade, desenvolvida pela assistente pedagógica Adélia Gomes e a psicóloga Hildevânia Macedo, trabalha com uma oficina de sensibilização sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

“Queremos que alunos e professores tenham um maior conhecimento sobre os seus direitos. A partir desse primeiro momento, eles terão uma fonte de pesquisa e conteúdo para os textos que serão produzidos para o jornal”, explica a pedagoga.

Jornalismo – O segundo encontro ocorre daqui a 15 dias e vai trabalhar uma espécie de mini-laboratório de jornalismo dentro da escola. Para alcançar o objetivo, a assessora de comunicação do projeto irá apresentar os gêneros jornalísticos – entrevistas, reportagens e artigos – para que os alunos possam escolher o estilo que desejam seguir na temática. Os melhores textos farão parte de um jornal produzido pelo site para o colégio e que será escrito exclusivamente pelos adolescentes. Além de esclarecer a temática, o melhor texto de cada escola receberá uma premiação especial surpresa.

Mais oficinas – Mensalmente, o site fará o mesmo trabalho em uma escola estadual da Capital, totalizando a produção de cinco oficinas e cinco jornais. As outras quatro escolas beneficiadas serão: Raul Machado, Almirante Tamandaré, Maria Geny Timóteo e Compositor Luís Ramalho. “Queremos contribuir com um novo olhar em favor de uma cultura pró crianças e adolescentes e, para o sucesso desse trabalho, é essencial o apoio da escola para estimular os alunos na construção desses textos”, comenta a pedagoga. Além da tiragem para a escola, os jornais também serão veiculados no site Criança.pb, cujo lançamento ocorrerá no dia 6 de abril.

Janaína Araujo, da Assessoria de Imprensa da SEDH