João Pessoa
Feed de Notícias

Secretaria de Segurança se reúne para analisar resultados de ações integradas

quarta-feira, 27 de abril de 2011 - 17:41 - Fotos:  Secom-PB

 

Reunião aconteceu no Centro de Educação da PM, em João Pessoa. Foto: Secom-PB

O secretário da Segurança e da Defesa Social, Cláudio Lima, e gestores das polícias Civil, Militar e do Corpo de Bombeiros, se reuniram na manhã desta quarta-feira (27) para apresentar projeto de compatibilização territorial e integração operacional das polícias do Estado e o levantamento dos registros de Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI) registrados na Paraíba. Na reunião, realizada no Centro de Educação da Polícia Militar, em João Pessoa, também foram apresentados os resultados de ações exitosas desenvolvidas por policiais nas cidades de Cabedelo e Mamanguape.

De acordo com o secretário, a reunião acontecerá mensalmente, a fim de que sejam debatidas soluções estratégicas para o enfrentamento da violência na Paraíba. “Resultados em segurança pública são obtidos com integração das polícias, focadas em produção de diagnósticos em conjunto”, frisou Cláudio Lima.

Segundo ele, são elementos essenciais para políticas públicas exitosas o planejamento, combinado com ações preventivas e repressivas, continuidade e participação da sociedade. “Para isso, os gestores de segurança pública devem se reunir, discutir a realidade de cada região e pensar estrategicamente para definir as soluções a serem implementadas”, explicou o secretário.

Compatibilização territorial – O projeto de compatibilização territorial e integração operacional de segurança pública tem como objetivo unir em uma mesma área comandos das polícias Civil e Militar.

“Serão cinco macrorregiões: Zona da Mata, Agreste, Borborema, Sertão e Alto Sertão, nas quais policiais civis e militares trabalharão unidos, responsáveis por uma mesma área, numa mesma realidade. É uma alternativa para o modelo desintegrado que temos hoje”, explicou o subcomandante da PM, coronel Washington França.

Ações prioritárias – Para Cláudio Lima, são ações prioritárias para combater a violência no Estado a criação de equipes focadas em CVLI, o combate ao narcotráfico, ampliação das instalações das delegacias especializadas de Crimes contra a Pessoa (Homicídios) e Repressão a Entorpecentes, assim como a reforma de unidades policiais, a exemplo das Centrais de Polícia de João Pessoa e Campina Grande, e implementação de ações monitoradas, além da valorização dos profissionais de segurança pública.

“Nosso foco será nas gestões de resultado, de qualidade das técnicas policiais e qualidade no atendimento ao cidadão. A prioridade é a redução do número de homicídios registrados no Estado, que vêm em uma curva crescente desde o ano 2000, culminando em 1.485 ocorrências no ano de 2010”, destacou o secretário da Segurança.

Cláudio Lima lembrou, ainda, que a Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Seds) está trabalhando para a construção de uma fonte de dados eficiente, unificada e segura, a partir da qual seja possível vislumbrar a realidade do Estado não só em relação aos CVLIs, mas também em relação a outros tipos de crime, diagnosticar a realidade da Paraíba e definir estratégias de combate eficientes.

Também participaram do encontro o delegado geral de Polícia Civil, Severiano Pedro do Nascimento Filho; o subcomandante da Polícia Militar, coronel Washington França, e o subcomandante dos bombeiros militares, coronel Dênis Nery, além da gerente executiva de Polícia Civil Metropolitana, Daniella Viccunna; do comandante do policiamento metropolitano, coronel Francisco de Assis Castro, entre outros delegados e comandantes de batalhões e companhias.