João Pessoa
Feed de Notícias

Secretaria de Agricultura alerta contra tentativa de golpe na distribuição de sementes

sexta-feira, 4 de março de 2011 - 10:39 - Fotos: 

A Secretaria de Desenvolvimento da Agropecuária e Pesca (Sedap) está investigando denúncia feita por sindicatos rurais da Paraíba de que um homem estaria cobrando pelas sementes distribuídas pelo Governo do Estado. Segundo a denúncia, a pessoa se identifica como servidor público e pede que seja feito um depósito em dinheiro em uma conta bancária, para só assim, enviar as sementes.

O secretário Executivo de Agricultura, Alexandre Eduardo de Araújo, reforçou que a distribuição das sementes é feita em caráter gratuito a todos os beneficiários, não sendo cobrada taxa de qualquer natureza.

Ele informou que a Sedap já abriu sindicância para apurar se há envolvimento de algum servidor nesse golpe. Caso seja comprovado, o funcionário será punido conforme a legislação.

Alexandre de Araújo também reforça o alerta para que as entidades procurem a polícia para formular a denúncia. “Quem faz isso não pode ficar impune. É preciso que o autor do golpe seja descoberto e punido”, frisou, ressaltando que quaisquer esclarecimentos ou denúncias de desvios devem ser feitos pelos telefones (83) 3218-5073, 3214-3590, 3222-3368, ou encaminhadas diretamente a Sedap.

Programa – Ao todo, já foram beneficiados com o Programa Estadual de Distribuição de Sementes, 162 municípios. A meta do Governo do Estado é atender em torno de 53 mil famílias.

As sementes preferencialmente são entregues aos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural Sustentável. São eles que fazem a distribuição direta com as famílias produtoras, em especial àquelas atendidas pelo Programa Garantia Safra, cuja renda per capta é de 1,5 salário mínimo.

“A distribuição de sementes pelo Governo do Estado visa atender os agricultores menos favorecidos economicamente, possibilitando que semeiem suas terras e continuem suas atividades produtivas”, disse Alexandre.

Prazo – Secretarias e Conselhos Municipais de Desenvolvimento Sustentáveis têm até o próximo dia 10 para receberem suas cotas de sementes nos armazéns de São Mamede, Esperança e Pirpiritura. O alerta é do secretário executivo estadual da Agricultura Familiar, Alexandre Eduardo. Ele avisa que, após essa data, as cotas que não forem recebidas serão repassadas a outros municípios.

O armazém de São Mamede abrange uma área de 102 municípios. O de Esperança 37 municípios e o de Pirpirituba 30. A distribuição de sementes pelo Governo do Estado, através da Secretaria de Desenvolvimento da Agropecuária e Pesca (Sedap), é feita em caráter gratuito a todos os beneficiários, não sendo cobrado nenhum tipo taxa.