Fale Conosco

12 de junho de 2013

Saúde vacina gestantes, idosos, portadores de doenças crônicas e viajantes até o fim de junho



A Paraíba superou a meta nacional da Campanha de Vacinação contra a Influenza deste ano atingindo 86,62% da população alvo. Mesmo com esse resultado positivo, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) orientou todos os municípios e serviços de saúde a continuar a vacinação contra gripe para as pessoas dos grupos prioritários (idosos a partir de 60 anos, gestantes e grupo de portadores de doenças crônicas) que ainda não tomaram a vacina. A vacinação será realizada até o dia 30 de junho.

Segundo a gerente executiva de Vigilância em Saúde da SES, Talita Tavares, considerando a sazonalidade da influenza e a situação epidemiológica da doença em estados como São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná, a SES recomenda que todos que forem viajar para o Sul e Sudeste do país procurem a unidade de saúde mais próxima para ser imunizados. “É importante que a pessoa que vai viajar para esses destinos seja imunizada com pelo menos 15 dias de antecedência e que não se esqueça de apresentar uma comprovação da viagem na unidade de saúde para receber a vacina”, disse Talita.

A vacinação anula contra a Influenza é uma das medidas utilizadas para preveni-la, pois pode ser administrada antes da exposição ao vírus e é capaz de promover imunidade efetiva e segura durante o período de circulação do mesmo. A vacina ofertada este ano protege contra três vírus: o vírus A-H1N1, A-H3N2 e B. A imunidade dura aproximadamente um ano. Feita com Vírus inativado, a vacina é segura. A única contraindicação é para pessoas que têm alergia severa a ovo. “O objetivo da vacinação é contribuir para a redução das complicações, internações e óbitos provocados por infecções da gripe. Estudos demonstram que a vacinação pode reduzir entre 32 e 45% o número de hospitalizações por pneumonias e entre 39 e 75% a mortalidade por complicações da influenza”, informou Talita.