Fale Conosco

16 de janeiro de 2013

Saúde realiza capacitações para controle da dengue na Paraíba



ses reuniao de levantamentos dos indeces de dengue e do aedis aegypti foto roberto guedes (8)A Gerência Operacional de Vigilância Ambiental da Secretaria de Estado da Saúde (SES) realiza esta semana reuniões de capacitação das Gerências Regionais de Saúde (GRS) para o Levantamento Rápido de Índices do Aedes aegypti (LIRAa). Nessa terça-feira (15), participaram da reunião representantes da 3ª, 4ª e 5ª GRS.

Durante o encontro foi apresentada aos participantes a metodologia do LIRAa e a importância de sua realização para o controle da dengue. A gerente operacional de Vigilância Ambiental da SES, Djanira Lucena, ressaltou a importância da realização desse levantamento para os municípios. “É necessário que a qualificação dos 223 municípios aconteça. O LIRAa deve ser adotado por todos os municípios, pois o levantamento nos informa onde existem as maiores e menores infestações pelo mosquito transmissor da dengue. Assim vamos controlar os índices de infestação, diminuindo os casos da doença”, disse.

Ainda durante a reunião, Djanira lembrou que o Ministério da Saúde destinou recursos aos municípios para qualificação das ações de combate ao mosquito transmissor da dengue, o Aedes aegypti. Para a utilização desses recursos, os municípios devem cumprir algumas metas e o LIRAa é uma delas. “O município que não cumprir as metas estipuladas pelo Ministério da Saúde terá o recurso financeiro cortado, pois é dinheiro público e deve ser administrado da maneira correta, não pode haver desperdício”, afirmou Djanira.

O LIRAa é uma metodologia de trabalho para identificar os locais de maior índice de infestação do mosquito transmissor da dengue. Assim, pode-se avaliar o risco de possíveis epidemias e intensificar as ações de combate e controle da dengue nas regiões onde o índice de infestação estiver mais elevado. Ele gera informações, não somente durante o trabalho de rotina, mas principalmente em momentos críticos, fazendo uso de uma metodologia capaz de fornecer dados em tempo hábil para estruturar ações específicas e aumentar a eficácia no combate ao mosquito transmissor da dengue.

As reuniões de capacitação das GRS no LIRAa continuam durante a semana. Nesta quarta (16) participarão a 6ª, 7ª e 8ª GRS, e na quinta (17), a 8ª, 9ª e 10ª GRS. Segundo Djanira, as reuniões estão ocorrendo de acordo com o esperado. “As Gerências de Saúde estão comparecendo e demonstrando interesse na realização do LIRAa e isso é muito positivo para a Paraíba. Esperamos que os municípios qualifiquem suas ações, para que aconteça um controle da dengue, pois a SES estará dando todo apoio e suporte necessário aos municípios para que isso aconteça”.