Fale Conosco

22 de março de 2017

Saúde mobiliza municípios para 6ª Semana Saúde na Escola 2017



A Secretaria de Estado da Saúde, por meio da Gerência Operacional da Atenção Básica, informa aos municípios que o Programa Saúde na Escola lançou a 6ª Semana Saúde na Escola 2017 que terá como tema “Comunidade Escolar Mobilizada Contra o Aedes aegypti!”, a ser realizada, preferencialmente, no período de 3 a 7 de abril.

A mobilização tem como objetivo orientar os estudantes das escolas públicas sobre a temática, com ações de limpeza do ambiente escolar; identificação de possíveis focos do mosquito; palestras sobre o ciclo do Aedes aegypti e os sintomas da dengue, zika e chikungunya. Para isso, conta-se com a articulação entre escolas e equipes de saúde da Atenção Básica.

O tema deste ano foi escolhido com base no quadro epidemiológico atual, em todo país. “O cenário mostra um aumento na proliferação do mosquito associado a diversos fatores, a exemplo de mudanças ambientais, más condições de saneamento, aumento da adaptabilidade do mosquito, justificando a importância de mobilizar as equipes das escolas e das unidades de saúde, estudantes, familiares e comunidades para, juntos, atuarem no combate ao Aedes aegypti”, explicou a técnica da Atenção Básica (AB), Morgana Agra.

Segundo a técnica Iraece Lopes, deverão ser realizadas várias estratégias e atividades relacionadas ao tema, reforçando a articulação local entre saúde e educação, promoção da saúde e desenvolvimento sustentável. “Ao estimular ações de promoção à saúde no ambiente escolar, envolvemos não apenas os estudantes, mas também os pais e educadores, atingindo toda a comunidade”, explicou.

Saúde na Escola – A participação dos municípios na Semana Saúde na Escola é voluntária. O Programa Saúde na Escola (PSE) surgiu como um indutor de políticas intersetoriais entre as áreas da Saúde e da Educação, na perspectiva da atenção integral (prevenção, promoção, atenção e formação) à saúde de crianças, adolescentes e jovens da Educação Básica pública. O PSE tornou possível, ao longo dos anos, um novo modelo de gestão das políticas de educação e de saúde que tratam a saúde e a educação de forma integral. 

O objetivo do PSE é possibilitar, por meio de amplo processo formativo, o exercício de ações cidadãs e o usufruto pleno dos direitos humanos. São beneficiários do programa os estudantes da Educação Básica.