João Pessoa
Feed de Notícias

Sarmento reconhece avanços em recursos hídricos e meio ambiente

terça-feira, 9 de novembro de 2010 - 07:39 - Fotos: 
O secretário do Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Ciência e Tecnologia, Francisco Sarmento, informou, nesta segunda-feira (8), que até dezembro, o Governo do Estado avançará mais um trecho da Adutora do Congo, com a água chegando ao município de Livramento. 
 
Financiada pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC Infraestrutura Hídrica), a Adutora do Congo já benefecia nesta segunda etapa as cidades de Amparo, Ouro Velho e Prata. Faltam ainda as cidades de Gurjão, São José dos Cordeiros e Parari. As adutoras Capivara e Acauã já foram inauguradas.

De acordo com Sarmento, o PAC Saneamento na Paraíba está com mais de 90% executado. O Sistema Adutor Translitorânea, que vai assegurar água para Conde, João Pessoa, Cabedelo, Santa Rita e Bayeux, por um horizonte de 20 anos, está com mais de 95% de suas obras concluídas.

Várzeas de Sousa – Quanto ao Projeto de Irrigação das Várzeas de Sousa, o Governo Maranhão concluiu as obras de drenagem subterrâneas e de superfície, além das estradas do perímetro irrigado. Até dezembro será concluída a instalação dos kits de irrigação para os mil primeiros hectares, que beneficiam os 178 pequenos produtores do projeto.

Estradas – No Programa Caminhos da Reconstrução, financiado pela Corporação Andina de Fomento – CAF – o Governo do Estado adiantou como contrapartida R$ 28 milhões e diversas obras de pavimentação de rodovias estão com ordens de serviços assinadas e parte delas em construção. No total são 1.018 quilômetros de rodovias que estão sendo pavimentadas ou recuperadas. O Governo Maranhão já solicitou à CAF a liberação do primeiro desembolso no valor de US$ 20 milhões, o que acontecerá nos próximos dias, garantindo a execução das obras.

Meio Ambiente – Na área de Meio Ambiente o secretário Francisco Sarmento revela que o Plano Estadual de Resíduos Sólidos está pronto para que o novo governo execute. Os projetos executivos a serem licitados para os aterros sanitários de Campina Grande, Sousa e Cajazeiras, estão em curso. Em João Pessoa o Jardim Botânico Benjamim Maranhão foi restaurado e está aberto ao público. Em Sousa o Vale dos Dinossauros será recuperado, com recursos da ordem de R$ 1 milhão, através de recente contrato firmado entre o Governo do Estado e a Petrobras.
 
R$ 2,5 bilhões assegurados – O próximo Governo começa em janeiro de 2011 a administrar recursos da ordem de R$ 2,5 bilhões, recursos já garantidos, conquistados pelo Governo Maranhão junto a convênios firmados com o Governo Federal, para a execução de diversos projetos de infraestrutura até 2014.

O volume de recursos foi anunciado na última sexta-feira (5), pelo governador Maranhão e vai assegurar que o próximo governo construa ou dê continuidade às seguintes obras de infraenstrutura: O Canal da Integração do Brejo; Duplicação da BR-104; Barragem de Manguape; Barragem de Jandaia; Barragem de Câmara; Centro de Convenções; Adutora Translitorânea; Adutora de São José; Adutora do Congo II; Via Jaguaribe; Binário de Bayeux e a pavimentação de 1.180 quilômetros de estradas. Dessas obras estão em execução o Centro de Convenções de João Pessoa, o Sistema Adutor Translitorânea, a adutora São José, a adutora do Congo II, o Binário de Bayeux (obras iniciadas) e em execução parte do programa de pavimentação e restauração de rodovias estaduais.

Josélio Carneiro, da Secom-PB