João Pessoa
Feed de Notícias

Sandra Belê é a atração de estreia do projeto Ritmos e Letras UEPB

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014 - 09:30 - Fotos: 

A cantora Sandra Belê se apresenta, nesta sexta-feira (28) às 20h, na Praça Parque das Águas, município de Monteiro. O show gratuito marca a estreia do Projeto Ritmos e Letras UEPB, realizado pelo Núcleo de Arte e Cultura Zabé da Loca (Zabessabe), campus VI da UEPB, em parceria com a Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc). A iniciativa tem como objetivo divulgar artistas da região com shows que serão gravados para registro em DVDs. As apresentações ocorrerão uma vez por mês, a partir desta semana, sempre no mesmo local.

A ideia do projeto é oferecer oportunidade às bandas e artistas solo que vêm desenvolvendo um trabalho de qualidade para que possam gravar um DVD. Da mesma maneira, o público tem a chance de conhecer e apreciar os ritmos e letras da região. Os shows serão totalmente abertos ao público, com entrada gratuita. Mais informações sobre o projeto estão disponíveis na Fan Page do Zabessabe, no Facebook (www.facebook.com/Nucleodearteeculturazabedaloca).

Sobre a artista – A cantora e compositora Sandra Belê adotou este nome artístico por ter nascido na cidade de Belê, localizada no interior da Paraíba. Seu repertório é construído com base nas memórias de infância e adolescência permeadas pelas cantigas do reisado, a voz do aboiador, o som do carro de boi, os banhos de açude, o som da sanfona do pai e o entrelaçar de linhas de sua mãe. “Coisas que eu via com tanta naturalidade e que hoje as percebo como especificidades só de lá. Ainda não me afastei muito do meu canto. Vez por outra estou lá. E nessas idas e vindas, meu olfato fica cada vez mais apurado pro cheiro que sempre senti e não percebia. Minha visão fica mais aguçada pras belezas que sempre estiveram presentes e eu não percebia. Hoje carrego minha cidade, não só no meu nome, mas nas minhas palavras, na minha lembrança e nas cantigas que canto pelo mundo afora”, diz o texto de apresentação da artista impresso no encarte da coletânea ‘Music From Paraíba’, lançada em 2013 pela Funesc.

Depois de três acústicos, a cantora paraibana Sandra Belê experimenta uma aproximação com a música eletrônica em seu novo trabalho.

Entre os anos de 2004 e 2005, Sandra Belê gravou o CD ‘Nordeste Valente’, o primeiro de sua carreira. Um ano depois se encontrava na cidade de Taperoá (PB), onde participou como atriz-cantora das gravações da microssérie global “A Pedra do Reino”, do escritor Ariano Suassuna. Com o CD Nordeste Valente, ela participou da coletânea de músicas da Pedra do Reino, organizada pela Som Livre, e da coletânea do Projeto Esquina Brasil, organizada pelo Sebrae, entre outros. Tem estado presente no mercado cultural da cidade do Recife (PE), Campina Grande (PB), João Pessoa (PB) e na região do Cariri Paraibano, através de eventos populares e institucionais. Em 2008, Sandra Belê participou do projeto Sete Notas do Sesc Centro de Campina Grande, interpretando o compositor cajazeirense Zé do Norte, surgindo assim o show “Sandra Belê canta Zé do Norte”. No mês de agosto, também no projeto Sete Notas, a cantora realizou o show “João do Vale – O Poeta do Povo”.

No ano de 2009, lançou o CD intitulado “Se incomode não”, que apresenta o universo romântico do povo nordestino através dos ritmos do xote, arrasta-pé, xaxado, baião e forró é repleto de músicas para dançar, como as tradicionalmente presentes nos repertórios de Luiz Gonzaga, Alcimar Monteiro, Trio Nordestino, Marinês, Gordurinha, Três do Nordeste, Dominguinhos, Jackson do Pandeiro e também no repertório dos novos intérpretes e compositores nordestinos como Marrom Brasileiro, Ranjel Júnior, Carlos Zens, Ilmar Cavalcante, Antônio Costa, Xico Bezerra e muitos outros. No final de 2010 a cantora gravou seu terceiro CD, intitulado ‘Encarnadoazul’.

Serviço:

Ritmos e Letras UEPB (estreia)

Show Sandra Belê

Data: 28/02 (sexta-feira)

Hora: 20h

Local: Praça das Águas, em Monteiro

Entrada: gratuita

Realização: Núcleo de Arte e Cultura Zabé da Loca (Zabessabe), campus VI da UEPB, em parceria com o Governo do Estado por meio da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc)