João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo visita usina beneficiadora de resíduos sólidos em Campina Grande

quarta-feira, 6 de maio de 2015 - 09:04 - Fotos:  Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho visitou, nessa terça-feira (5), o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) de Campina Grande para conhecer uma iniciativa pioneira no Brasil para destinação adequada de resíduos sólidos. A Usina Beneficiadora de Resíduos Sólidos transforma lixo urbano em brita sintética durável, que pode ser utilizada em diversos setores da construção civil.

Fruto de 18 anos de pesquisa, o equipamento foi desenvolvido pela empresa campinense Mundial Tech e contou com o apoio do Senai. A usina utiliza sacolas plásticas, garrafas, pneus, madeira e outros produtos descartados pela população para produzir a brita sintética. De acordo com testes em laboratório, o material apresentou resistência sete vezes maior que a brita convencional, além de menor densidade e mais durabilidade.

O governador ressaltou que os padrões atuais de consumo no mundo exigem novas soluções para a problemática do lixo. “Cada vez mais, cresce o problema do lixo, exigindo ainda mais aterros sanitários. Então, é importante quando são descobertas alternativas que possam redimensionar ou transformar o lixo. É mais que uma contribuição econômica, é uma contribuição para a humanidade”, avaliou Ricardo.

A presidente da Companhia de Desenvolvimento da Paraíba (Cinep), Tatiana Domiciano, que acompanhou o governador na visita, afirmou que o Governo do Estado está disposto a apoiar a iniciativa. “Estamos avaliando o projeto para definir como o Governo pode contribuir para a consolidação dos incentivos, visto que é um projeto importante tanto para o poder público quanto para o setor empresarial”, afirmou.

De acordo com o pesquisador e coordenador do projeto, Romero Leite, a tecnologia visa solucionar um problema cada vez mais frequente nas cidades de todo o mundo. “Apenas 2% do lixo produzido no Brasil são reciclados. O uso da usina pode reduzir o acúmulo de resíduos nos aterros sanitários em até 80%”, explicou.

Também participaram da visita o presidente da Federação das Indústrias do Estado da Paraíba (Fiep), Buega Gadelha; o secretário de Estado da Comunicação Institucional, Luís Tôrres; o secretário executivo do Meio Ambiente, Fabiano Lucena; e o chefe de Gabinete do Estado, Fábio Maia.