João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo vai à Brasília e solicita liberação de R$ 41,8 milhões

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011 - 14:46 - Fotos: 
O governador Ricardo Coutinho (PSB) solicitou a liberação de duas emendas no valor de R$ 41,8 milhões para estruturação da rede hospitalar da Paraíba, durante audiência com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, na manhã desta quinta-feira (27), em Brasília. Os gestores também discutiram a formação de um Plano de Contingência Estadual de Combate a Dengue em parceria com os 223 municípios paraibanos.
 
Dentre os recursos solicitados ao Ministério da Saúde está uma emenda de R$ 20 milhões para estruturação das unidades de atenção especializada em saúde, incluindo a construção de um Centro de Oncologia no município de Patos. Também foi solicitada a liberação de R$ 21 milhões que será destinada a implantação do Hospital Metropolitano de Urgência e Emergência no município de Santa Rita.          
O governador explicou que o hospital irá desafogar as unidades hospitalares de João Pessoa e beneficiar uma população de quase R$ 1,2 milhão de habitantes. Já a instalação do Centro de Oncologia em Patos, segundo o governador, é necessário para garantir mais qualidade no atendimento aos pacientes com câncer, evitando que as pessoas tenham que viajar até 400 quilômetros para serem atendidos na Capital do Estado.
 
“É uma situação muito dolorosa para esses pacientes e suas famílias. O Centro de Oncologia vai atender a toda a população do Sertão do Estado, proporcionando mais condições de tratamento a essas pessoas. Queremos executar essas obras tão importantes para nosso Estado em parceria com o Governo Federal”, ressaltou.
    
Dengue – O governador discutiu também ações integradas para o combate à dengue. Ele aproveitou para convidar o ministro Alexandre Padilha ir à Paraíba para lançar a campanha de combate à doença e para participar do lançamento do Plano de Contingência, que esse ano vai ser levado a todo o Estado, já que no ano passado não foi executado.
 
O ministro Alexandre Padilha confirmou a vinda ao Estado no mês de fevereiro em data a ser definida e garantiu empenho do Ministério para a liberação dos recursos necessários a realização das obras.
 
Tesouro nacional
- Em seguida, o governador participou de uma reunião com o secretário do Tesouro Nacional, Arno Hugo Augustin Filho, e solicitou apoio para a liberação de parte dos R$ 250 milhões dos recursos da segunda etapa do Programa Emergencial de Financiamento (PEF-2) do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para investimentos na Paraíba. Os recursos estão suspensos devido à pendência do Estado junto ao Cadastro Único de Convênios (Cauc).
 
O secretário do Tesouro nacional informou que a delicada situação fiscal cria dificuldades na liberação de recursos para a Paraíba. Ele reconheceu o empenho do novo governo para assegurar o ajuste fiscal, mas disse que a Secretaria, através da Procuradoria Geral da União (PGU), irá analisar a possibilidade da liberação dos recursos.

O governador Ricardo Coutinho esteve acompanhado dos secretários do Planejamento, Gustavo Nogueira; dos Recursos Hídricos, Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia, João Azevedo e do chefe da Controladoria Geral do Estado (CGE), Luzemar Martins.