João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo recebe empresários interessados em investir em Campina Grande

segunda-feira, 12 de março de 2012 - 18:46 - Fotos:  José Marques/Secom-PB

Foto: José Marques/Secom-PB

O governador e o vice-governador da Paraíba, Ricardo Coutinho e Rômulo Gouveia, respectivamente, receberam, na tarde desta segunda-feira (12), diretores da Majal – Indústria e Comércio e trataram sobre a instalação de uma nova indústria de calçados e meias em Campina Grande.  Os empresários relataram o interesse do grupo americano em abrir uma fábrica na região Nordeste, com investimento de R$ 10 milhões, e buscam o apoio do Governo do Estado para trazer o empreendimento à Paraíba, gerando mais de mil empregos diretos na cidade.

A Majal tem duas fábricas no Brasil, uma instalada há cinco anos, em Campina Grande – que produz shorts, camisas e moletons nas linhas skate wear e surf wear –, e outra em Santa Cruz do Sul (RS). Segundo um dos diretores da Majal, Augusto Scheibler, a idéia é construir uma grande planta industrial, que incorpore tanto a linha de confecções, já produzida em Campina Grande, quanto a de calçados e meias da marca Vans, direcionados ao público jovem. “Como já estamos instalados em Campina, o ideal seria que a ampliação se desse no mesmo município, porque assim centralizaríamos a produção em um só espaço e reduziríamos custos logísticos e de produção”, ressaltou.

Os diretores entregaram um documento ao governador solicitando incentivos, como a disponibilização de uma área de seis hectares para a instalação da indústria. Scheibler destacou que é importante que haja a definição da área e o interesse que vem sendo demonstrado pelo governador Ricardo Coutinho na definição final do grupo. “Caso a Paraíba seja escolhida, vai centralizar a produção e distribuição para o Norte e Nordeste do país”, destacou.

Foto: José Marques/Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho disse que é de interesse do Estado receber o investimento e pediu à presidente da Cinep, Margarete Bezerra, para acelerar o processo de estudo de área e o diálogo com os investidores. “Vivenciamos um momento de transição econômica na Paraíba. Estamos deixando de ter aquela visão focada no poder público para voltar os olhos à participação da iniciativa privada no crescimento do Estado”, avaliou.

Para Rômulo Gouveia, a priorização do grupo americano em investir no Estado demonstra o compromisso, o respeito e a sensibilidade do Governo do Estado em relação ao desenvolvimento de Campina Grande em setores como calçados e confecções. “É um empreendimento que beneficia não só o entorno de Campina, mas toda a Paraíba. É gratificante ver o nascimento, somente nesses últimos dias, de um leque tão diversificado de investimentos no Estado”, destacou.