João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo prestigia apresentação do Concerto de Natal do Prima em Campina Grande

sexta-feira, 18 de dezembro de 2015 - 10:47 - Fotos:  Francisco França

O governador Ricardo Coutinho prestigiou, nessa quinta-feira (18), a primeira apresentação do Concerto de Natal do Projeto de Inclusão Social através da Música e das Artes (Prima), que ocorreu no Centro de Treinamento de Professores, em Campina Grande. A orquestra, formada por 160 alunos de todos os polos, executou clássicos da música erudita, a exemplo de composições de Richard Strauss e Heitor Villa-Lobos, e emocionou o público que compareceu ao evento. Nesta sexta-feira (18), o Concerto de Natal do Prima acontece em João Pessoa, na Praça do Povo do Espaço Cultural, às 19h30.

O gestor do Prima, maestro Alex Klein, disse que a apresentação dos alunos superou as expectativas, e destacou a criação do Projeto executado pelo Governo do Estado. “O governador Ricardo Coutinho é o principal idealizador de todo esse espetáculo que trouxemos hoje para o povo de Campina Grande e, acima de tudo, de todas essas mudanças na vida dessas crianças ao longo desses três anos de Prima. Com sensibilidade social, o Governo do Estado escolheu o mapa do Projeto, onde estariam os polos, estrutura pedagógica, possibilitando que o Prima tenha condições de realizar o que a Paraíba e o Brasil têm testemunhado: incluir”, afirmou.

Para os concertos de Natal, os alunos do Prima passaram por várias audições. “A grande façanha desse Projeto é, apesar das diferenças geográficas, da distância entre os polos, conseguirmos levar uma metodologia pedagógica inclusiva, que faça com que todos os alunos tenham oportunidades de aprendizagem iguais. Por isso – sempre brincamos – uma das maiores dificuldades que temos é a seleção dos alunos que integram a orquestra de Natal, já que é praticamente impossível formarmos uma orquestra com mais de 1.500 músicos”, destacou. “No entanto, a seleção que temos feito mostra que acertamos muito mais do que erramos, haja vista o feedback maravilhoso do público”, prosseguiu.

Emoção – Durante a apresentação do Concerto de Natal em Campina Grande, o público teve a oportunidade de apreciar composições da música erudita universal, como “Finlândia”, de Jean Sibelius, e “Assim falou Zaratustra”, de Richard Strauss. “Mas não poderíamos deixar de levar para o público, para esta sociedade que tem depositado tanta confiança nesse projeto audacioso, mas de resultados concretos, compositores nacionais, como Heitor Villa-Lobos. Por exemplo, a execução de “Cântico do Sertão” faz com que todos tenham uma imediata identificação, emoção”, lembrou Alex Klein.

Outro momento de muita emoção foi a apresentação das “Danças Polovitsianas”, do russo Alexander Borodin, cantada em russo com coral a quatro vozes. As danças fazem parte da obra “Príncipe Igor”, muita conhecida dos russos. “São obras que requerem muita desenvoltura, muita técnica, já que têm um grau muito alto de dificuldade. No entanto, com muito treino e disciplina, os nossos alunos conseguem executá-las com uma maestria impressionante. Promover o sentimento de que se é capaz é o melhor método que se tem para se chegar à inclusão. E isso o Projeto Prima tem executado muito bem”, finalizou Alex Klein.