Fale Conosco

9 de julho de 2013

Ricardo lança site da Comissão Estadual da Verdade nesta quarta



O governador Ricardo Coutinho lança, nesta quarta-feira (10), o site da Comissão Estadual da Verdade e da Preservação da Memória da Paraíba. A solenidade será realizada no salão nobre do Palácio da Redenção, em João Pessoa, a partir das 10 h.

O presidente da Comissão, professor Paulo Giovani Nunes, destaca que o site foi desenvolvido pela Companhia de Processamento de Dados da Paraíba (Codata) e será uma ferramenta importante para divulgar os trabalhos. Ele adiantou que também haverá links para determinados documentos na área de direitos humanos e para contatos de pessoas que queiram colaborar com o trabalho da comissão.

O site vai disponibilizar vídeos, áudios, fotografias e outros documentos digitalizados. A Comissão Estadual da Verdade estuda a possibilidade de passar a transmitir ao vivo, por meio do site, as audiências públicas. É provável que a audiência sobre as Ligas Camponesas em Sapé, no próximo dia 15, seja a primeira a ser transmitida em tempo real.

Waldir Porfírio, um dos sete integrantes da Comissão Estadual da Verdade, informa que o arquivo do Dops da Paraíba está sendo digitalizado de forma individual, ficha por ficha, para ser postado no site. Esse processo ainda vai levar alguns dias para que possa ser acessado no site, que terá página semelhante ao site da Comissão Nacional da Verdade.

No site, o público terá acesso ao decreto do governador Ricardo Coutinho que criou a Comissão, perfil dos sete membros, regimento interno, atas, os dez grupos de trabalho, audiências, notícias, legislação, publicações e acordo de cooperação. A página disponibiliza links para busca, Facebook, Twitter, YouTube, TV Verdade, galeria de fotos e formulário de contato online.

Os dez grupos de trabalho são: mortos e desaparecidos, mapa da tortura, a bomba estourada no cine, cassação de mandatos, demissão de servidores, ditadura e gênero, estrutura de repressão, intervenção nos sindicatos, perseguição ao setor educacional e repressão aos camponeses. Diversos voluntários colaboram com as pesquisas desenvolvidas pelos grupos.

São parceiros da Comissão Estadual da Verdade as seguintes instituições: Memórias Reveladas, Comissão Nacional da Verdade, Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, UEPB e Codata.

A Comissão Estadual da Verdade e da Preservação da Memória, instalada no dia 11 de março deste ano, se reúne quinzenalmente na Casa Civil, 7º andar do antigo prédio do Paraiban, Avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa. A Comissão foi criada pelo governador Ricardo Coutinho por meio do Decreto nº 33.426/12 e tem a missão de investigar crimes de violação dos direitos humanos praticados por agentes públicos contra paraibanos, durante o período da ditadura militar.

Integrantes – A Comissão Estadual da Verdade e da Preservação da Memória é constituída por sete membros: Paulo Giovani Antonio Nunes, (presidente); João Manoel de Carvalho; Irene Marinheiro; Lúcia Guerra de Fátima Ferreira; Iranice Gonçalves Muniz; Fábio Fernando Barbosa de Freitas e Waldir Porfírio. Nomeados pelo governador Ricardo Coutinho os integrantes têm mandato de dois anos. Apenas Waldir Porfírio foi indicado pelo governador. Os demais são representantes da sociedade civil.