João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo lança Mês da Juventude e destaca importância do protagonismo juvenil

sexta-feira, 11 de agosto de 2017 - 16:14 - Fotos:  Zé marques/ Secom PB

O governador Ricardo Coutinho lançou, nesta sexta-feira (11), Dia do Estudante, a programação do Mês da Juventude contendo cerca de 200 atividades e ações por todas as regiões do Estado. Também foi lançado o aplicativo #EufaçoEducação, que permite que os estudantes avaliem a qualidade estrutural e pedagógica das escolas da rede estadual de ensino. O evento foi realizado no Centro de Formação de Educadores, em João Pessoa, e contou com a presença da vice-governadora Lígia Feliciano, auxiliares do Governo, deputados, vereadores e outras autoridades.

Durante a solenidade, também houve o lançamento da cartilha do Grêmio Livre; a assinatura da chamada pública para o curso sobre sexualidade, prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e hepatites virais; assinatura do Projeto de Lei para criação do Comitê Intersetorial de Políticas Públicas para a juventude; assinatura do Projeto de Lei para reformulação do Conselho Estadual de Juventude (Cejup) e ainda a assinatura do Decreto para formação do Comitê do ID Jovem na Paraíba.

Em seu pronunciamento, Ricardo Coutinho ressaltou que a educação é a base para o futuro dos jovens e que a escola deve estimular o protagonismo juvenil, formando cidadãos preparados para lidar com os desafios da vida. “Esse Mês da Juventude torna o jovem cada vez mais protagonista de sua história. Jovens conscientes da realidade pregam a cultura da paz, se afastam da violência e da criminalidade. Estamos celebrando este dia dando continuidade a uma série de ações no sentido de empoderar os estudantes; isso passa pelo estímulo a organização dos Grêmios Livres nas escolas, também por coisas como a reforma do Conselho Estadual da Juventude que estamos fazendo, enfim, isso representa nosso intuito de reafirmar o protagonismo juvenil”, observou.

O governador também falou sobre o aplicativo #EufaçoEducação e enfatizou que ele será um instrumento de interação entre os estudantes e a Secretaria de Educação na busca de melhorar a qualidade das unidades de ensino. “Este aplicativo que lançamos hoje é uma ferramenta a favor da educação e do aperfeiçoamento das escolas. Com ele será possível uma interação rápida dos alunos com o pessoal da Secretaria da Educação. Os jovens vão baixar o aplicativo e avaliar como está a merenda, o ensino, a estrutura e muitos outros aspectos da escola, podendo também elogiar a qualidade dos serviços”, explicou.

Um dos objetivos do #EufaçoEducação é canalizar a demanda da comunidade acadêmica de forma a tentar solucionar os principais problemas encontrados. “Este aplicativo coloca a Secretaria da Educação e as escolas em contato direto com os alunos. Dessa forma, os jovens vão poder apontar as necessidades de melhorias, avaliar diversos pontos estruturais, bem como a atuação dos professores e gestores escolares. É uma ação inovadora deste Governo, que não tem medo de perguntar o que está ou não funcionando bem. O que nos interessa é conhecer a realidade para cobrar melhorias para a educação. Estamos comemorando o Dia do Estudante ressaltando seu protagonismo e dando condições para que ele se desenvolva”, frisou o secretário da Educação, Aléssio Trindade.

Vitória Pereira tem 19 anos, foi estudante da rede estadual, atualmente cursa Ciências da Computação e ajudou a desenvolver o aplicativo #EufaçoEducação. “Foi um prazer fazer parte da equipe que desenvolveu esta ferramenta para ajudar as escolas estaduais. A partir de agora, os alunos já podem baixar o aplicativo no celular, fazer o cadastro e começar a avaliar a escola. Da mesma forma, a Secretaria da Educação já vai receber automaticamente essas informações para poder aprimorar e melhorar as condições das escolas estaduais”, explicou.

De acordo com a secretária executiva de Juventude, Priscilla Gomes, o Mês da Juventude vai oferecer uma vasta programação dedicada aos jovens em mais de 70 municípios paraibanos. “Este ano, superamos a casa das 70 cidades que estão participando das ações do Mês da Juventude, o que é algo muito importante. Durante este mês de agosto, teremos diversas atividades nas mais amplas temáticas e ainda teremos dois eventos de encerramento das ações: no dia 26, no Parque Bodocongó, em Campina Grande; e no dia 27, no Espaço Cultural, em João Pessoa, com atividades esportivas, de lazer, feira de empreendimentos juvenis, oficinas, ou seja, várias ações para fechar esse Mês da Juventude que vem se fortalecendo a cada ano”, adiantou.

O tema do Mês da Juventude deste ano é “Sem rótulos: quem me define sou eu”, focando o protagonismo e participação juvenil, construção e avanço, trabalhando pela garantia dos direitos adquiridos e sua aplicabilidade, além da ampliação e efetivação das necessidades das juventudes do Estado.

Se Sabe de Repente – Na ocasião, também foi realizado o 3º Encontro do Projeto Se Sabe de Repente, que visa fortalecer o protagonismo juvenil dentro da escola. O Encontro integra as atividades do Mês da Juventude e reúne cerca de 500 estudantes de 40 escolas das 14 Gerências Regionais de Educação. O projeto funciona em 141 escolas através de oficinas temáticas, interações culturais, implantação e acompanhamento dos Grêmios Estudantis e construção do Plano de Ação de Juventude, de modo a estimular o posicionamento e a troca de experiências dos jovens diante de questões de seu interesse, como sustentabilidade, violência, sexualidade, trabalho, entre outros.

“Esses projetos nas escolas estaduais, como o Se Sabe de Repente, estão desenvolvendo a nossa criatividade e nossos talentos. A juventude tem uma grande voz, somos uma geração que luta pelos seus direitos, mostra cidadania e capacidade para evoluir através da educação”, falou o estudante de Itabaiana, Wellington dos Santos Pessoa.

Rivaldo Júnior foi aluno da rede estadual de ensino e hoje é estudante universitário, ele contou que fez parte do Se Sabe de Repente e o projeto foi muito significativo para a sua formação. “O Se Sabe de Repente chegou em minha vida quando tinha 15 anos e sou muito grato ao projeto, porque pude adquirir muitos conhecimentos para a vida. Hoje sou estudante de psicologia e estou muito feliz em ver que o projeto está conseguindo estimular, cada vez mais, o protagonismo juvenil”, concluiu.