João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo lança edital para R$ 5 milhões em financiamentos do Procase

sexta-feira, 26 de julho de 2013 - 12:28 - Fotos:  José Marques/Secom-PB

O primeiro edital para financiamento do projetos do Programa de Desenvolvimento Sustentável do Cariri e Seridó (Procase), no valor de R$ 5 milhões, foi lançado pelo governador Ricardo Coutinho na abertura do 2º Salão da Agricultura, na noite dessa quinta-feira (25). O evento acontece no Busto de Tamandaré, na praia de Tambaú, em João Pessoa.

O Procase é realizado em parceria entre o Governo do Estado e o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), e vai investir R$ 100 milhões em projetos desenvolvimento sustentável e inclusão produtiva de associações e cooperativas em 55 municípios das regiões do Cariri e Seridó. Neste primeiro edital, que ficará aberto até dezembro, serão financiados projetos de até R$ 200 mil.

O Salão da Agricultura, que tem como tema “A Paraíba Produz Alimento Saudável”, reúne stands de instituições de pesquisa e empreendedorismo e quase 200 agricultores. Na abertura, o governador Ricardo Coutinho entregou cheques no valor de R$ 639 mil aos representantes da Associação dos Produtores de Leite de Belém, da Associação de Produtoras da Cocada na Kenga de Lucena, Associação Rural de Algodão de Pombal, Associação de Artesanato em Campina Grande e Associação de Psicultura em Jericó. Também foram assinados termos de cooperação técnica entre Governo do Estado, Procase, Cooperar, Empreender-PB, Sebrae e Emater.

O governador Ricardo Coutinho afirmou que o salão é um grande espaço de apresentação da agricultura familiar: “Esse é um evento que aproxima o produtor e a produção orgânica com o público consumidor, e estimula o consumo de produtos mais saudáveis”, destacou.

Ricardo ressaltou a importância do Procase e disse os acordos de cooperação técnica vão fortalecer uma estratégia de desenvolvimento dos arranjos produtivos no Cariri e no Seridó. Ele lembra que a seca vivenciada nos últimos dois anos prejudicou muito a produção e absorção da agricultura familiar dentro do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), mas mesmo assim as escolas estaduais aumentaram em 120% as suas compras da agricultura familiar. “Juntamente com construção de estradas e de adutoras, e a distribuição de sementes essas ações ajudam a superar um momento tão difícil para o nosso semiárido”, completou o governador.

O secretário de Desenvolvimento Agrário e Pesca, Marenilson Batista, disse que o Governo do Estado tem investido no fortalecimento de espaços de comercialização como feiras e salões, e tem fortalecido as compras diretas de produtos agroecológicos. “Estamos fazendo esse chamamento para que a população da Capital e visitantes venham conhecer e discutir sobre a agroecologia como fonte de alimentação saudável”, destacou o secretário.

O apicultor Virgínio Felix, presidente da Associação dos Apicultores de Salgado de São Felix, está expondo mel de abelha no Salão da Agricultura e tem boas perspectivas de vendas no local mais nobre e movimentado da cidade. Virgínio afirmou que a associação composta por 43 apicultores adquiriu uma máquina de beneficiamento de mel com recursos do Projeto Cooperar.

Esse projeto foi muito importante, pois antes distribuíamos o mel em vasilhames avulsos. Agora estamos envazando em material virgem e rotulado com a nossa marca. O próximo passo será obtermos o selo de especificação natural que nos permitirá ganhar novos mercados”, destacou Virgínio.

Além do governador, participaram da solenidade o secretário de Desenvolvimento Agrário e Pesca, Marenilson Batista, o secretário executivo de Desenvolvimento Agrário, Rômulo Montenegro, o secretário executivo da Pesca, Sales Dantas, o superintendente do Sebrae, Luiz Alberto Gonçalves, o superintendente regional do Banco do Nordeste, José Maria Villar, o coordenador do Projeto Cooperar, Roberto Vital, o coordenador do Empreender-PB, Tárcio Pessoa, e a coordenadora do Procase, Dirce Ostroski.

Semana da Agricultura – O 2º Salão da Agricultura faz parte da programação da Semana da Agricultura, que teve início na segunda-feira (22). Os municípios de Itaporanga e Juru também integram a programação com diversas atividades, entre elas, exposição de caprinos e ovinos, palma resistente, blocos nutricionais, derivados do leite, distribuição de mudas e sementes, alevinos, apresentações culturais e entrega de títulos definitivos de propriedades.

O evento é coordenado pela Sedap em parceria com Emater, Emepa, Interpa e Empasa, e conta com o apoio do Sebrae, Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Fetag, UFPB, Ministério do Desenvolvimento Agrário, IFPB e movimentos sociais.

Desta sexta-feira (26) até o domingo (28) haverá programação com a realização de oficinas gratuitas, feira da agricultura familiar, feira de adoção de animais e forró pé-de-serra nos períodos noturnos.

Feira Agroecológica – Para estimular a prática da alimentação saudável, de sexta a domingo, sempre a partir das 8h, haverá a Feira da Agricultura Familiar. Os produtos comercializados são produzidos sem agrotóxicos, oriundos das associações de produtores rurais de todo o Estado.

A Secretaria da Agricultura promove o desenvolvimento rural sustentável e fortalece a produção agrícola do interior à capital. Além disso, aproxima o produtor do público consumidor, levando alimentos mais saudáveis diretamente do campo para a cidade.