Fale Conosco

20 de agosto de 2013

Ricardo inaugura primeiro campus universitário do país dentro de presídio



UEPB SERROTÃO 11 270x202 - Ricardo inaugura primeiro campus universitário do país dentro de presídioApresentações culturais com a participação de apenados e homenagens marcaram a solenidade de inauguração do Campus Universitário Avançado do Serrotão, uma iniciativa realizada por meio de parceria entre o Governo do Estado e a Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). A cerimônia contou com a presença do governador Ricardo Coutinho, do secretário de Administração Penitenciária, Wallber Virgolino, e do reitor da UEPB, Rangel Júnior, entre outras autoridades. Ao final da solenidade, foram entregues simbolicamente viaturas e armas para os agentes penitenciários.

UEPB SERROTÃO 262 270x202 - Ricardo inaugura primeiro campus universitário do país dentro de presídioEm seu pronunciamento, o governador Ricardo Coutinho enfatizou que a Seap, junto com a UEPB, promovem algo que marca, não só na história do Estado da Paraíba, mas a história do sistema prisional brasileiro. “Este é um empreendimento revolucionário, e nós precisamos fazer muitas revoluções neste país. A ousadia de uma universidade aqui da Paraíba, que sai da sua sede normal, perpassa seus muros e vem pisar num terreno que não é fácil, me conquista, eu gosto da ousadia humana. Outra coisa muito importante é que para a reinserção de uma pessoa na sociedade, após cumprir uma pena, tem que necessariamente ter um emprego, para não voltar ao mundo do crime, e para ter este emprego, tem que ter qualificação”, ressaltou.

Ricardo Coutinho comentou que no ano passado, a Paraíba reduziu em 8% o índice de homicídios, sendo o Estado que mais reduziu no Nordeste. “Com ações como esta de hoje, estamos transformando barris de pólvora em lugares de humanização. Por isso, a Seap está sendo respeitada e isso é resultado do trabalho do secretário Wallber Virgolino e de toda a sua equipe”, completou.

UEPB SERROTÃO APENADAS 5 270x202 - Ricardo inaugura primeiro campus universitário do país dentro de presídioO secretário da Seap, Wallber Virgolino, por sua vez, falou da sua visão sobre a iniciativa: “Hoje é um dia que eu estou muito feliz, porque estamos materializando um sonho com a inauguração deste campus avançado da UEPB, que era uma determinação do governador Ricardo Coutinho e virou realidade por meio de uma parceria que vem dando certo, entre a Seap e a UEPB, além do esforço conjunto de toda a equipe envolvida no projeto. Também gostaria de ressaltar outros importantes projetos de ressocialização que estamos desenvolvendo, a exemplo da remissão de pena através da leitura e o Projovem Urbano para unidades de João Pessoa e Campina Grande, que serão estendidos para outras regiões do Estado”.

UEPB SERROTÃO 9 270x202 - Ricardo inaugura primeiro campus universitário do país dentro de presídioO reitor da UEPB, Rangel Júnior, também falou do início das atividades. “Os cursos não beneficiarão apenas os reclusos, mas os agentes penitenciários e todos os funcionários do Complexo Serrotão. Os reeducandos inicialmente farão cursos básicos para que futuramente se tornem aptos a cursar disciplinas do Núcleo Básico de Cursos Superiores, ainda a serem definidos”, revelou.

Algumas ações educativas já estão em pleno funcionamento na Penitenciária Regional Raymundo Asfora (Serrotão), a exemplo do projeto “Biblioteca Itinerante”, que leva os livros até as celas. Sobre os programas, o diretor da unidade, Manoel Eudes Osório, ressaltou que o presídio tem a capacidade de atender 80 reclusos estudando em cada turno. “Temos hoje em funcionamento a escola fundamental de alfabetização e um curso de informática básica, com 60 horas. No final deste curso, será implantado o curso de garçom, com 200 horas”, adiantou.

UEPB SERROTÃO JUIZ FERNANDO BRASILINO 17 270x202 - Ricardo inaugura primeiro campus universitário do país dentro de presídioO campus avançado da UEPB do Serrotão conta com oito salas de aula e um auditório, onde serão realizados cursos, palestras e atividades culturais para os reeducandos. A universidade dentro do sistema prisional também contempla o Presídio Feminino, que está incluído no complexo penitenciário do Serrotão, com salas de aula, auditório e berçário, além de um ateliê destinado à confecção de bonecas de pano, a biblioteca, brinquedoteca.