João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo inaugura passarela e beneficia moradores do Renascer

quarta-feira, 27 de março de 2013 - 22:22 - Fotos: 

Os moradores do conjunto Renascer, em Cabedelo,  e do Bessa, em João Pessoa, agora poderão atravessar a BR-230 com segurança e sem risco de atropelamento. O governador Ricardo Coutinho inaugurou, no final da tarde desta quarta-feira (27), uma passarela metálica de 220 metros para travessia dos pedestres, obra esperada há mais de 10 anos pelos moradores e motoristas que trafegam no local.

O Governo do Estado, por meio do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), investiu R$ 1 milhão na obra que beneficiará cerca de 40 mil habitantes, além dos motoristas que utilizam a rodovia nos dois sentidos. A solenidade de inauguração contou com as presenças do governador Ricardo Coutinho, do vice-prefeito de Cabedelo, Leto Viana, representando o prefeito Luceninha, do deputado estadual, Lindolfo Pires, dos diretores do DER, Carlos Pereira, Hélio Cunha Lima e Antônio Fleming, o superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, da secretária de Finanças Aracilba Rocha e dos líderes comunitários Rosivaldo Galan e Dema Macêdo.

O governador Ricardo Coutinho afirmou que a obra tem um grande valor por evitar que pessoas morram atropeladas ao atravessar a rodovia e também que os carros tenham que praticamente parar na lombada gerando um grande congestionamento na rodovia federal. “Desde quando fui prefeito de João Pessoa e via os casos de mortes por atropelamento me perguntava o porquê de um bairro como o Renascer, onde milhares de pessoas precisam atravessar para trabalhar em João Pessoa, não tinha uma passarela. Hoje tenho a felicidade de inaugurar essa passarela que irá preservar vidas e contribuir para uma maior agilidade no trânsito”, enfatizou.

Ricardo Coutinho anunciou que o próximo passo agora é fazer outra passarela na BR-230, na Comunidade Boa Esperança, no Cristo, outro local considerado muito perigoso para atravessar.  Ele alertou a população para que utilizem as passarelas, pois sem as lombadas fixas e eletrônicas os carros passarão numa velocidade maior.

O superintendente do DER, Carlos Pereira, disse que, apesar do investimento parecer pequeno, a obra tem uma relevância inestimável, pois vai salvar vidas e evitar acidentes. Ele informou que a passarela é para o trânsito de pedestres e ciclistas e não para carroças e motos. “Faço um apelo para que as pessoas passem por ela e não embaixo dela porque foi uma obra feita com muito esforço, já que no local da fundação havia uma adutora da Cagepa que teve que ser adequada”, explicou.

O vice-prefeito de Cabedelo, Leto Viana, agradeceu ao Governo do Estado por inaugurar uma obra que representa mais segurança para os moradores do Renascer e contribui para melhorar a mobilidade, já que o tráfego no local é intenso.  Ele destacou que a Prefeitura de Cabedelo está aberta para construir parcerias e para que o Estado realize outras obras relevantes no município.

O deputado estadual Lindolfo Pires destacou que essa passarela é uma demonstração de que as obras do governo estão chegando a todas as regiões do Estado. “Na semana passada o governador inaugurou estações de tratamento e escolas em Cachoeira dos Índios e Bom Jesus, últimas cidades do Estado, e hoje está em Cabedelo inaugurando uma passarela tão esperada pelos moradores do Renascer”, comentou.

O líder comunitário do Renascer, Rosivaldo Galan, falou que a passarela vinha sendo reivindicada há mais de 10 anos ao Dnit e à Prefeitura de Cabedelo, “mas Ricardo Coutinho, mesmo sem ter a obrigação legal, foi quem teve a coragem de fazer essa obra. Sempre convivemos com altos índices de acidentes onde famílias perderam pais, mães e filhos. Esse ponto era considerado pela Polícia Rodoviária Federal como o mais perigoso para a travessia de pedestre no Estado. Se colocou lombada fixa e eletrônica, o que melhorou para o pedestre, mas prejudicou muito o trânsito. Hoje com a passarela ganha o pedestre, ganha o motorista e ganha a vida”, ressaltou.

A dona de casa Maria das Graças Santos, moradora do Renascer, perdeu o marido que foi atropelado por uma moto quando atravessava a faixa de pedestre. “Essa passarela alivia o medo que temos de atravessar a rodovia. Se tivesse sido feita há alguns anos atrás, nem tantas pessoas tinham morrido”, lamentou.

O aposentado Damião Medeiros, morador há 15 anos do Renascer, lembrou que ele e a sua esposa só passavam assombrados na rodovia, com medo de atropelamento e salientou que a passarela chega em boa hora. “Somente hoje já passei três vezes. Mesmo andando um pouco mais, sempre vou utilizá-la. Não sou besta para me arriscar a morrer, não é?”, indagou.

A comerciária Ivi Rúbia disse que tem que atravessar todo dia a BR-230 e achou uma ótima medida do Governo do Estado para diminuir os acidentes. Ela disse que não vai se arriscar mais em atravessar a rodovia, pois com a passarela será mais rápido e seguro. “A vida é preciosa e deve estar em primeiro lugar”, afirmou.

Campanha- Uma equipe de educação no trânsito do Detran e policias rodoviários federais participaram de uma campanha educativa para orientar os pedestres a utilizarem de maneira correta a passarela.  O superintendente do Detran, Rodrigo Carvalho, disse que a faixa de pedestre e a lombada já foram retiradas do local para que as pessoas só utilizem a passarela para chegar ao outro lado da rodovia.

A chefe da Divisão de Trânsito do Detran, Abimadabe Vieira, disse que a ideia da campanha é criar uma cultura de utilização da passarela, pois muitas pessoas têm o costume de atravessar entre os carros. “Mas nossa orientação é que os ciclistas passem na passarela desmontados das bicicletas e que as mães segurem as crianças pela mão para chegar ao outro lado com segurança e cidadania”, observou.