João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo inaugura estrada e beneficia mais de 32 mil do Vale do Piancó

terça-feira, 31 de março de 2015 - 17:03 - Fotos: 

O governador Ricardo Coutinho inaugurou, nesta terça-feira (31), a pavimentação da PB-342, que liga os municípios de Piancó a Coremas, e que beneficia mais de 32 mil habitantes. A obra, que custou R$ 17,8 milhões, integra os municípios do Vale do Piancó a Coremas e vem estimulando o crescimento econômico e agrícola da região. A entrega da estrada pavimentada faz parte da agenda de inauguração de obras que fecha o ciclo dos 100 dias de gestão deste segundo mandato.

São 27 km de asfalto novo que cruza o açude de Coremas e substitui uma antiga estrada de terra que dificultava o acesso entre os dois municípios. O governador Ricardo Coutinho destacou que, antes da pavimentação, os motoristas para irem de Piancó para Sousa tinham que dar a volta por Patos num longo trajeto de cerca de 200 km, agora, indo por Coremas, o trajeto foi reduzido para 90 km.  “Essa é uma estrada estratégica para a integração e a economia da região do Vale do Piancó. Estamos pensando grande ao investirmos muito em estradas que são as bases para o desenvolvimento econômico”, ressaltou.

Ricardo Coutinho informou que o Governo do Estado investiu R$ 150 milhões na construção de 312 km de estradas somente na região do Vale do Piancó. Ele lembrou estradas como a que interliga Santana de Mangueira e Manaíra, que está em andamento e vai integrar o Sertão da Paraíba com o Sertão de Pernambuco para fortalecer o comércio, a indústria têxtil e a agricultura.

O prefeito de Piancó, Sales Lima, afirmou que esta estrada, além de melhorar a mobilidade dos piancoenses, vai servir de fonte de renda para muitos cidadãos porque todos vão economizar nos gastos, principalmente os comerciantes que viajam no dia a dia. “Antes, para sair de Coremas e vir a Piancó, a pessoa teria que andar mais de 200 quilômetros, agora esse percurso pode ser feito num trajeto de 27 quilômetros”, observou.

Segundo o prefeito, o comércio de Coremas é muito forte em Piancó de segunda a sexta-feira, mas o acesso dificultava bastante. “Antes, essa viagem era de quase 2 horas, agora  dura apenas 30 minutos. Os comerciantes das duas cidades são os mais agradecidos por esta obra ter chegado ao Vale do Piancó porque traz para a população mais qualidade de vida”, comentou.

O ex-prefeito de Coremas, Edilson Pereira, disse que economicamente essa obra é de extrema importância para os moradores de Piancó, Coremas, São Gonçalo, Sousa e Cajazeiras,  porque forma um grande anel do Sertão e vai contribuir com o escoamento da safra, do desenvolvimento do turismo e das relações comerciais entre as cidades.

Para o motorista Francisco de Assis, de Piancó, a construção dessa estrada significa uma nova vida para a população e mais desejo de viver e trabalhar nesta cidade. “Tenho certeza que o mercado de trabalho e o comércio local vão evoluir com esta obra. O povo só tem a agradecer ao governador Ricardo Coutinho, porque muitos outros governadores prometeram esta estrada, mas não concretizaram o projeto e agora, ele concluiu o projeto trazendo mais desenvolvimento ao Vale do Piancó”, enfatizou.

A dona de casa Maria do Socorro agradeceu ao Governo do Estado a conclusão da obra e disse que toda a cidade vai se beneficiar com a estrada porque ela não liga apenas as cidades de Piancó a Coremas, mas significa a realização de um antigo sonho de todos os moradores do Vale do Piancó. “Eu tenho um filho que tem um comércio em Coremas  e vai conseguir diminuir e muito seu tempo de viagem e os custos com transporte”, afirmou.

Participaram das solenidades os deputados estaduais Branco Mendes, João Gonçalves e Lindolfo Pires, que também é secretário de Representação do Governo em Brasília, os diretores do DER, Carlos Pereira e Hélio Cunha Lima; o secretário de Governo, Efraim Morais; do chefe de gabinete do governador  Fábio Maia; os prefeitos Sales Lima (Piancó), Arimatéia Camboin, Santa Terezinha,  João Nildo (Santa Inês), Deusinha (Iguaracy), Alan Felipe (Pedra Branca), Chico Carvalho (Olho D’Água) e Audiberg Lima (Itaporanga).