Fale Conosco

2 de dezembro de 2013

Ricardo inaugura Centro de Diagnóstico do Câncer nesta terça



O governador Ricardo Coutinho inaugura nesta terça-feira (3), às 9h, o novo Centro Especializado de Diagnóstico do Câncer (CEDC). O serviço vai funcionar numa área de aproximadamente 400 metros quadrados, localizada na Avenida Duarte da Silveira, nas proximidades do Departamento Estadual de Estradas e Rodagens (DER), na Capital.

De acordo coma diretora geral CEDC, Roseane Soares da Nóbrega Machado, foram investidos cerca de R$ 50 mil na readequação das instalações físicas do ambiente, além de R$ 1, 1 milhão em equipamentos. Ela explicou que com a inauguração do CEDC a Paraíba terá um serviço com qualidade e eficiência em saúde mamária. O novo CEDC vai dispor de um mamógrafo para a realização de mamografias, além de realizar ultrassonografias, o que vai contribuir com a detecção precoce do câncer de mama.

Com esses investimentos, o CEDC vai ser ‘padrão ouro’ em atendimento, pois vamos ofertar em um só ambiente todas as condições necessárias para a saúde mamária da mulher, com médicos especialistas, a exemplo de mastologistas e ginecologistas, com laboratórios de Citologia e Anatomia Patológica, dentre outros serviços”, destacou a diretora.

Segundo Roseane Soares, a meta é que até o final de 2014 o Estado responda por cerca de 50% de todos os procedimentos em citologia da Paraíba realizados pelo SUS. “Hoje esse índice é de 35% e vamos trabalhar visando a detecção precoce do câncer de colo de útero”, destacou. Ela disse que atualmente o CEDC realiza cerca de 11 mil atendimentos mensais e, com esse novo serviço, a expectativa é de que 15 mil mulheres sejam beneficiadas mensalmente. “O Governo do Estado tem se preocupado em investir em ações e serviços voltados para o combate e prevenção de doenças e, com isso, reduzir os custos na alta complexidade”.

Dados - De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a estimativa para este ano é de 640 novos casos de câncer de mama na Paraíba e 250 em João Pessoa. Com relação ao câncer de colo de útero, a estimativa é de 320 novos casos no Estado e 80 na Capital. Dados da Gerência Operacional de Resposta Rápida da Secretaria de Estado da Saúde aponta que no período de 2008 a 2012, foram registrados 987 óbitos na Paraíba enquanto o câncer de colo de útero foi responsável por 450 mortes.

Sobre o Serviço – Fundado em 1998 para rastrear o câncer do colo do útero, em pouco tempo o CEDC tornou-se o único de referência no atendimento da rede pública de saúde na Paraíba. A unidade está localizada na Avenida João Machado, 109, no centro de João Pessoa.

De acordo com Roseane Soares, com o passar dos anos foram agregados ao atendimento da unidade outros serviços voltados em cerca de 90% para a saúde da mulher. “Foram integrados serviços como clínica ginecológica e de mastologia, além da realização de biópsias, punções aspirativas e cirurgias de alta frequência em lesões que ainda não são cancerígenas, mas que podem ser precursoras do câncer”, explicou.

Roseane lembra que o atendimento realizado no Centro de Diagnóstico do Câncer acontece por meio de encaminhamento dos PSF de cada município, direcionado através da regulação municipal de saúde de João Pessoa. “O CEDC não atende demanda espontânea”, enfatiza a diretora.