João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo inaugura adutora e beneficia mais de 12 mil pessoas

quinta-feira, 10 de abril de 2014 - 10:51 - Fotos: 

O governador Ricardo Coutinho entregou, nessa quarta-feira (9), o sistema de abastecimento d’água do município de Taperoá, que vai garantir água tratada para 12.761 habitantes. O Governo do Estado investiu mais de R$ 943 mil na construção da adutora de 22 km, que levará água da barragem de Mucutú até a estação de tratamento da cidade, de onde será distribuída para as residências.

Ricardo lembrou que a conclusão da adutora foi uma reivindicação da população que viu a obra iniciada há 11 anos ficar abandonada pelas gestões anteriores. “Estamos hoje, aqui junto com as chuvas, para dar ao povo de Taperoá as águas de Mucutú, enquanto o açude Manoel Marcionilo não encher”, destacou.

De acordo com Ricardo, a Cagepa providenciou o tratamento necessário para reduzir a salinidade da água da barragem e garantir o uso doméstico. Ele ainda ressaltou a satisfação por conseguir entregar à população de Taperoá obras importantes como a rodovia Dorgival Terceiro Neto, o Hospital Regional e a adutora de Mucutú, além da reforma da Escola Melquiades Vilar e as ações do Cooperar e do Empreender-PB.

O prefeito Jurandir Gouveia afirmou que a população de Taperoá realiza um sonho com a chegada das águas de Mucutú. Ele lembrou que, desde a assinatura da ordem de serviço no aniversário da cidade, em outubro, a adutora ficou pronta em tempo recorde. “Taperoá só tem a agradecer por todo o trabalho em nossa cidade que ganhou o hospital, a estrada, a adutora, ônibus e outros convênios”, enfatizou.

O vice-governador Rômulo Gouveia lembrou que a obra foi iniciada há 11 anos, quando houve uma seca no açude Manoel Marcionilo e ficou parada por todo esse tempo. “No ano passado, mais uma vez, o açude secou e tivemos que perfurar poços, contratar carros-pipa e ao mesmo tempo concluir a adutora, que hoje é uma realidade, que leva água para as casas dos taperoenses”, recordou.

O presidente da Cagepa, Deusdete Queiroga, explicou que foram construídos as estações elevatórias de água bruta I e II, TAU’s 1 e 2, o Stand-Pipe, execução da travessia da linha adutora do rio Taperoá e sua relocação na chegada da estação de tratamento de água. “Conseguimos realizar a obra em tempo recorde e, graças a Deus, a cidade está abastecida com água tratada e própria para o consumo”, explicou Deusdete.

A inauguração da adutora foi marcada pelas chuvas tão esperadas pela população de Taperoá que, nos últimos meses, sofreu com a seca do açude Manoel Marcionilo que abastece o município.

A estudante Licélia Fernandes disse que a adutora é uma benção e um compromisso cumprido pelo Governo do Estado que demonstra atenção com o município. “Com a seca do açude, o nosso sofrimento foi muito grande e muita gente tinha que deixar de comprar comida para comprar garrafões de água. Hoje temos água em nossas torneiras”, comemorou.

Participaram da solenidade, os deputados estaduais Antônio Mineral e Manoel Ludgério; o presidente do Centro de Cultura do Cariri (Cuca), jornalista Evaldo Costa. Além dos prefeitos de Taperoá, Jurandir Gouveia; de Livramento, Carmelita Ventura; de Cabaceiras, Luiz Ayres; de Soledade, Flavinho Aureliano; de Desterro, Rosangela Leite; de Olivedos, Grigório Almeida, e de Junco do Seridó, Cosmo Simões (Branco).