João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo entrega reforma e equipamentos do Centro de Diagnóstico por Imagem do Hospital de Trauma

terça-feira, 6 de setembro de 2016 - 16:21 - Fotos:  Francisco França

O governador Ricardo Coutinho entregou, nesta terça-feira (6), a reforma e modernização do Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI) do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. Foram quase 500 m² de reforma, revitalização e modernização do CDI representando um investimento de cerca de R$ 2,5 milhões. O novo CDI recebeu um aparelho de tomografia computadorizada, com digitalização das imagens e capacidade para realizar mais de 3 mil exames por mês. A vice-governadora Lígia Feliciano, deputados e representantes da área médica também participaram do evento.

Na ocasião, Ricardo visitou as instalações do novo Centro de Diagnóstico por Imagem, assistiu a uma apresentação musical e ainda foi presenteado com dois livros sobre o Hospital de Trauma de João Pessoa. “Estamos melhorando a qualidade da prestação do serviço público de saúde. Este aparelho vai proporcionar uma agilidade maior, com um sistema mais moderno e complexo, que diminui o tempo de realização do exame para poucos segundos e que dê uma especificidade maior a tomografia. Todos os computadores do hospital terão acesso aos resultados, desde a sala de cirurgia até um consultório médico, inclusive o HTop, que é o hospital de retaguarda do Trauma. Trata-se de um investimento muito forte na saúde porque entendemos que nesta área um segundo pode ser fatal, por isso é preciso que a gente tenha os melhores equipamentos para salvar vidas”, destacou o governador.

Ainda de acordo com Ricardo Coutinho, a Paraíba é o Estado que possui a maior rede proporcional de saúde, mas ainda precisa ampliar o atendimento. “Avançamos muito na área da saúde, mas ainda temos muito a fazer. Queremos abrir, assim que possível, o Hospital de Oncologia de Patos, que irá desafogar o atendimento aos pacientes com câncer no Hospital Napoleão Laureano. Porém o Governo do Estado não tem condições de manter o hospital sozinho, precisamos dos repasses financeiros do Governo Federal e estamos aguardando isso”, observou.

O antigo tomógrafo do Hospital de Trauma está em funcionamento há 15 anos, e passa por manutenções mensalmente. O novo equipamento de tomografia vai funcionar 24 horas por dia. “Na hora que a tomografia for feita, o médico pode imediatamente ver o resultado, onde quer que esteja. A parte de imagem é fundamental para agilizar o atendimento aos pacientes. Também quero focar o nosso cuidado com as crianças, nós preparamos um ambiente com desenhos, pinturas, muito mais humanizado para elas e o tomógrafo que já funcionava aqui no Trauma será voltado para o atendimento infantil. Minha gratidão a todos que fazem este hospital ter cada vez mais qualidade”, disse a secretária da Saúde, Roberta Abath.

Para o superintendente da Cruz Vermelha Brasileira (CVB), Milton Pacífico, a parceria entre a CVB e o Governo do Estado tem muito êxito. “A união das forças faz com que esse hospital evolua a cada dia. Esse novo CDI é a realização de um sonho, porque traz uma mudança radical. Hoje nosso sistema está todo moderno, digitalizado, sem o uso de produtos químicos, enfim, é uma mudança significativa. Nesse tomógrafo novo uma tomografia de corpo inteiro leva cerca de 10 segundos para ser feito, enquanto no antigo seria em torno de 15 minutos. O nosso Centro está adequado, oferecendo as melhores condições de atendimentos para os pacientes”, frisou.

O aparelho de última geração vai trazer melhores condições de tecnologia e mais agilidade para o trabalho dos profissionais da unidade de saúde. “É um avanço enorme para a parte diagnóstica, para o conforto dos profissionais, porque saímos de uma era analógica para uma era digital, isso melhora o tempo de resposta, já que em segundos o médico tem a imagem com qualidade a sua disposição. É uma evolução muito grande e amplia a quantidade de exames, o novo aparelho pode realizar uma média de 3 mil atendimentos por mês”, enfatizou a diretora geral do hospital, Sabrina Bernardes.

Durante a solenidade, o governador recebeu o livro intitulado “Uma história de muitas vidas”, das mãos de uma criança que foi atendida no Hospital de Trauma. O livro traz a narrativa de pessoas que receberam atendimento na unidade de saúde e tiveram suas vidas salvas, como é o caso do pequeno Gabriel, de apenas um ano. “O meu neto é um vitorioso, ele nasceu prematuro, aqui no Hospital de Trauma. A mãe dele, grávida de sete meses, sofreu um acidente de moto e infelizmente não resistiu, mas meu neto foi salvo, graças a Deus e aos profissionais deste hospital”, contou a avó de Gabriel, Elizabeth Bezerra.