João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo entrega adutora que vai atender 62 mil pessoas de 14 cidades do Cariri

terça-feira, 27 de outubro de 2015 - 17:24 - Fotos: 

O governador Ricardo Coutinho entregou, no início da tarde desta terça-feira (27), a adutora emergencial do açude de Sumé, reforçando o sistema de abastecimento do Congo e atendendo diretamente 14 municípios do Cariri da Paraíba. A obra, avaliada em R$ 1,4 milhão, foi construída com recursos próprios do Governo do Estado para amenizar os efeitos da estiagem para mais de 62 mil paraibanos. “Estamos entregando essa adutora trazendo para os moradores do Cariri, perspectiva de futuro e melhor qualidade de vida a todos”, disse o governador durante a solenidade em Sumé.

Ricardo explicou que o açude do Congo está praticamente seco e 14 cidades, dentre elas Sumé, Monteiro e Serra Branca, além de alguns distritos, também estão sem água. “Então pegamos a água do açude de Sumé e do Congo, que pertence à natureza e ao povo, e fizemos a adutora que já está sendo levada para estação de tratamento, garantindo sobrevivência hídrica para praticamente 70 mil pessoas”, disse o governador, ressaltando que a estiagem é uma preocupação do Estado.

Após entregar a obra, Ricardo conclamou a população a ter consciência e racionar a água, tendo em vista que a situação dos mananciais é crítica e se a população não souber usar com responsabilidade vai faltar. “É preciso ter cuidado com o uso da água, que é o bem mais precioso da vida”, alertou.

O presidente da Cagepa, Marcos Vinícius, lembrou que a adutora de Sumé atende a uma reivindicação da população, feita durante a plenária do Orçamento Democrático de Sumé. “Esse é mais um benefício do Governo do Estado, que entrega a mais de 60 mil pessoas o bem mais precioso do mundo, que é a água”, ressaltou.

O vice-prefeito de Sumé, Eden Duarte, afirmou que mais uma vez o governador Ricardo Coutinho mostra seu compromisso com o Cariri. “O município de Sumé, com esse gesto de grandeza, divide a água com outros municípios da região do Cariri. Afinal, a água é um bem universal”, comentou. Ele também pontuou que outras ações do Governo do Estado para minimizar os efeitos da seca, como a construção de poços, de barragens subterrâneas, distribuição de caixas d’água, entre outros benefícios.

O prefeito do Congo, um dos municípios beneficiados com a obra, Romualdo Quirino, disse que o açude do Congo está com apenas 1% da sua capacidade e não tinha mais condição de abastecer 14 cidades. “Sugerimos ao governador utilizar a barragem do Congo que está com 17 % de sua capacidade e com essa adutora todos esses municípios terão condição de serem abastecidos até a chegada das chuvas no ano que vem”, comemorou.

A obra foi realizada pelo Governo do Estado, por meio da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa). Serão beneficiadas as populações dos municípios de: Serra Branca, Monteiro, Sumé, Santa Luzia do Cariri, São João do Cariri, Prata, Ouro Velho, Amparo, São José dos Cordeiros, Gurjão, Santo André, Parari, Sucuru (distrito de Serra Branca), Coxixola, Pio X (distrito de Sumé) e Livramento.

A adutora foi construída com recursos próprios e conta com 3 km de extensão e diâmetro de 300 milímetros. Também foram feitas melhorias na estação de tratamento de água do sistema adutor do Congo.