João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo e Dilma participam do lançamento do Dialoga Brasil em João Pessoa

sexta-feira, 4 de setembro de 2015 - 22:39 - Fotos:  Secom-PB

O governador Ricardo Coutinho participou, ao lado da presidente Dilma Rousseff, do lançamento do Programa Dialoga Brasil – Paraíba. O evento ocorreu no final da tarde, no Centro de Congressos do Centro de Convenções de João Pessoa, com a participação de mais de mil convidados, representantes dos diversos segmentos da sociedade. Os ministros da Educação, Saúde, Justiça, Cultura, Desenvolvimento Social e Secretaria Geral da Presidência responderam algumas propostas de participantes.

A presidente Dilma Rousseff fez um pronunciamento destacando o apoio que tem recebido do governador Ricardo Coutinho e diversos parlamentares e lideranças dos movimentos sociais. “Dialogar é a capacidade que nós temos de olhar um nos olhos do outro porque o diálogo ao longo da história aproximou as pessoas, uniu nações. Juntos nós podemos muito”, pontuou.

Dilma afirmou ainda que o Dialoga Brasil – Paraíba, a exemplo dos demais estados, traz a mensagem de superar problemas e avançar. “Nós somos diferentes um dos outros, mas todos nós temos os mesmos direitos e tenho certeza que nós trabalhamos muito para reverter a situação do Nordeste”, ressaltou, destacando que entre o povo brasileiro as mulheres também precisam de dignidade.

Ela fez ainda uma reflexão sobre a questão da água e assegurou que a transposição do São Francisco vai garantir o acesso à água para beber, para a atividade agrícola. “Nós temos um compromisso e um orgulho que é entregar a transposição o mais breve possível e não iremos, de maneira alguma, suspender, paralisar as obras do São Francisco”, reforçou. Concluiu dizendo que o respeito à estabilidade do país, do governo, é o respeito à democracia, ao voto. E conclamou: “Dialoga Paraíba, dialoga!”.

O governador Ricardo Coutinho, por sua vez, destacou em seu pronunciamento que a presidente Dilma Rousseff estava numa terra que cultiva a participação popular. E acrescentou um tema ao evento: a importância que tem a região Nordeste para o país. “Hoje temos políticas públicas que começaram a chegar de 12 anos para cá e estamos há quatro anos com estiagem grave, mas não se fala em fome. O Nordeste não aparece falando de fome e passou a crescer desde 2003”. Segundo ele, isso foi possível porque se olhou com atenção para a região a partir do Governo Lula, tendo continuidade agora no Governo Dilma.

O governador ainda enfatizou os resultados positivos que o Governo Dilma tem proporcionado ao Nordeste e ao País. “Nós vamos superar essa crise”, declarou.  E frisou: “Se aponta para o futuro unindo o povo com ideário. Esse país é muito forte. Nós vamos vencer as dificuldades. O povo brasileiro não pode retroceder, tem que mostrar a sua força na capacidade de compreender e avançar cada vez mais”.

O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, em sua saudação à presidente, destacou que o Dialoga Brasil é fundamental por abrir um canal de diálogo com a sociedade civil. “Nós acreditamos na democracia e o diálogo é essencial para o país”, pontuou.

Os temas trabalhados no Dialoga Brasil são: saúde, segurança pública, redução da pobreza, educação e cultura. A apresentação do programa foi feita pelo ministro Miguel Rossetto (Secretaria Geral). “O diálogo aproxima nosso governo, temos compartilhado juntos essas conferências e assim estamos mudando para melhor o nosso Brasil e a plataforma digital dialogabrasil.gov.br é esse canal de comunicação”, disse Rossetto. Na sequência, cada ministro presente fez breve relato sobre os temas de suas pastas no Dialoga Brasil.

O ministro da Educação, Renato Janine, elogiou os avanços que a Paraíba tem tido nessa área na gestão do governador Ricardo Coutinho desde 2011. O ministro da Justiça, José Eduardo Cartozo, anunciou que o governo federal, em parceria com os estados, vai desenvolver um programa que vai fiscalizar com maior eficácia as divisas. Uma das propostas sorteadas para o ministro da Educação, Renato Janine, comentar foi enviada por Gerson José do Nascimento Neto e abordou o tema concursos públicos para intérpretes de libras.

O Dialoga Brasil é um espaço de participação digital onde as ideias das pessoas viram propostas que ajudam a melhorar as ações do governo. A plataforma Dialoga Brasil apresenta 14 temas e 80 programas prioritários do governo federal para que a população proponha melhorias nas políticas públicas e na vida dos brasileiros. Em novembro próximo, o governo federal começa a responder as três propostas mais apoiadas de cada programa. Qualquer brasileiro pode enviar sugestões através do email contato@dialoga.gov.br.

O índio Paulo Tabajara, da etnia Tabajara, uma das pessoas convidadas, preencheu o formulário do Dialoga Brasil. “A minha proposta para a presidente é que ela olhe com mais atenção o povo nativo dessa terra e que fortaleça a Funai, para que a Funai possa fazer algo mais eficaz para os indígenas que estão sendo exterminados dentro desse país”, disse o índio Tabajara.

A líder do grupo de ciranda Caiana dos Crioulos, de Alagoa Grande, Severina Luzia “Cida”, apresentou proposta para que o governo federal incentive mais a cultura popular. “A nossa cultura precisa melhorar, é preciso incentivar projetos das cirandeiras”, disse.

Participaram do Diálogo Brasil em João Pessoa os ministros Juca Ferreira (Cultura), Tereza Campelo (Desenvolvimento Social e Combate à Fome), Renato Janine (Educação), Arthur Chioro (Saúde), José Eduardo Cardozo (Justiça), e Miguel Rossetto, da Secretaria Geral da Presidência da República. A capital paraibana é a quinta do país a receber o lançamento do programa.

Acompanhados pelo maestro Alex Klein, alunos do Programa de Inclusão Social Através da Música e das Artes (Prima), integrantes do Quinteto de Sopros do Polo do Prima de Cabedelo, fizeram uma apresentação. Houve ainda apresentação do Cavalo Marinho da Paraíba, grupo folclórico.

Além de representantes dos movimentos sociais ainda participaram do evento a vice-governadora Lígia Feliciano, o senador José Maranhão, auxiliares do Governo do Estado, deputados federais, deputados estaduais, prefeitos, vereadores de vários municípios.

A solenidade teve início às 17h30. Antes, a presidente, o governador e 70 empresários paraibanos se reuniram para debater temas diversos nas áreas da indústria, do comércio e serviços.