João Pessoa
Feed de Notícias

Ricardo discute ações de combate à crise hídrica no Ministério da Integração Nacional

quinta-feira, 18 de agosto de 2016 - 16:01 - Fotos: 

O governador Ricardo Coutinho se reuniu, nesta quinta-feira (18), com o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, em Brasília, para discutir a liberação de recursos e o andamento de obras para combater a crise hídrica que assola a Paraíba e o Nordeste. Na ocasião, o ministro informou que em breve serão empenhados três planos de adutoras já aprovados pelo Governo federal, no valor de aproximadamente R$ 7 milhões, e que a execução de obras destinadas ao enfrentamento da seca será transferida para o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs). Também participaram da audiência o deputado federal Wilson Filho e o senador Raimundo Lira, além do secretário da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo.

Após a audiência, Ricardo Coutinho disse que as obras de implantação das adutoras de Carrapateiras, Mãe d’Água, Santana de Mangueira, Piancó, São José de Piranhas e Monte Horebe, que faziam parte de vários planos de trabalho que o Governo do Estado tinha apresentado, serão realizadas pelo Dnocs por determinação do Governo Federal. “Para nós o que interessa é que a obra seja feita. A gestão do equipamento será do Estado, mas o Governo Federal preferiu fazer estas obras a partir do Dnocs. Isso não é um empecilho, porque o que queremos é ver a água chegando para a população que sofre com a seca”, comentou.

O governador ainda destacou que a Paraíba, em breve, terá o empenho de três planos que já estão aprovados pelo Governo Federal. São eles: Diamante/Boa Ventura, no valor de R$ 4,2 milhões, a adutora de Pilões, com recursos na ordem de R$ 2,4 milhões, e Jericó/Mato Grosso, no valor de R$ 800 mil. “Esses planos, que serão empenhados dentro desse processo da emergência hídrica, totalizam mais de R$ 7 milhões para combate a seca. Somos um dos Estados onde as adutoras de engate rápido estão sendo feitas com mais agilidade e assim que for empenhado, em uma semana, começaremos as obras feitas pela Paraíba e realizaremos essas ações que são essenciais para todas estas cidades”, falou.

“Na audiência foi tratado com o ministro Helder Barbalho, a questão emergencial da falta de água na Paraíba. Então foi discutida a necessidade urgente de liberação de recursos para a conclusão de algumas adutoras de engate rápido e, principalmente, foram incluídos no programa mais três municípios paraibanos que estão em colapso, que são Piancó, São José de Piranhas e Monte Horebe”, explicou o senador Raimundo Lira.

O deputado federal Wilson Filho lembrou que há mais de quatro anos consecutivos, a Paraíba está sofrendo com os problemas decorrentes da seca. “Temos que continuar buscando recursos para que obras possam ser concluídas e a água chegue às residências dos paraibanos. Precisamos defender os interesses da Paraíba e a água é um bem essencial”, concluiu.